quinta-feira, 15 de novembro de 2012

HISTÓRIA DA REPÚBLICA

Hoje, se comemora do dia da Proclamação da República. Na mesma data de hoje, no ano de 1889, o alagoano Marechal Manuel Deodoro da Fonseca derrubou a Monarquia, que estava em vigor no Brasil desde 1822, e proclamou a República. Na época, era crescente a insatisfação da população brasileira com o Império, que não resolvia os problemas do País. Tivemos no Brasil dois imperadores: D. Pedro I (1822-1831) e D. Pedro II (1840-1889).

A Monarquia era o regime de reis, hereditário, cujo governo sempre passava para o filho. Além disso, era vitalícia. O Imperador ficava até morrer no cargo. Mas o curioso é que nenhum dos dois imperadores brasileiros ficaram até morrer no cargo, pois D. Pedro I renunciou em 1831 e ele viria a falecer em 1834, e D. Pedro II foi destronado em 1889 mas só morreu em 1891.

Na República, o governo é temporário, com representantes escolhidos pelo povo. A propósito, você sabe os nomes dos presidentes que governaram o Brasil desde 1889? Não sabe? Confira agora o nome e o período que estiveram no poder:

MARECHAL MANUEL DEODORO DA FONSECA (Governo Provisório) - (1889-1891)
MARECHAL MANUEL DEODORO DA FONSECA (1891)
MARECHAL FLORIANO VIEIRA PEIXOTO (1891-1894)
PRUDENTE JOSÉ DE MORAIS BARROS (1894-1898)
MANUEL FERRAZ DE CAMPOS SALES (1898-1902)
FRANCISCO DE PAULA RODRIGUES ALVES (1902-1906)
AFONSO AUGUSTO MOREIRA PENA (1906-1909)
NILO PROCÓPIO PEÇANHA (1909-1910)
MARECHAL HERMES RODRIGUES DA FONSECA (1910-1914)
VENCESLAU BRÁS PEREIRA GOMES (1914-1918)
DELFIM MOREIRA DA COSTA RIBEIRO (1918-1919)
EPITÁCIO LINDOLFO DA SILVA PESSOA (1919-1922)
ARTUR DA SILVA BERNARDES (1922-1926)
WASHINGTON LUÍS PEREIRA DE SOUZA (1926-1930)
GETÚLIO DORNELLES VARGAS (1930-1945)(1951-1954)
JOSÉ LINHARES (1945-1946)
GENERAL EURICO GASPAR DUTRA (1946-1951)
JOÃO FERNANDES CAMPOS CAFÉ FILHO (1954-1955)
CARLOS COIMBRA DA LUZ (1955)
NEREU DE OLIVEIRA RAMOS (1955-1956)
JUSCELINO KUBSTSCHECK DE OLIVEIRA (1956-1961)
JÂNIO DA SILVA QUADROS (1961)
PASCOAL RANIERI MAZZILLI (1961) (1964)
JOÃO BELCHIOR MARQUES GOULART (1961-1964)
MARECHAL HUMBERTO DE ALENCAR CASTELO BRANCO (1964-1967)
MARECHAL ARTHUR DA COSTA E SILVA (1967-1969)
GENERAL EMÍLIO GARRASTAZZU MÉDICI (1969-1974)
GENERAL ERNESTO BECKMANN GEISEL (1974-1979)
GENERAL JOÃO BATISTA DE OLIVEIRA FIGUEIREDO (1979-1985)
JOSÉ RIBAMAR FERREIRA DE ARAÚJO COSTA SARNEY (1985-1990)
FERNANDO AFFONSO COLLOR DE MELLO (1990-1992)
ITAMAR AUGUSTO CAUTIERO FRANCO (1992-1995)
FERNANDO HENRIQUE CARDOSO (1995-1999) (1999-2003)
LUÍS INÁCIO LULA DA SILVA (2003-2007) (2007-2011)
DILMA VANA ROUSSEFF (2011-)

CURIOSIDADES:

O Governo mais longo foi o primeiro governo de Getúlio Vargas, que governou por 15 anos, e o mais curto foi o Carlos Luz, que governou apenas dois dias, de 9 a 11 de novembro de 1955.

Dilma Rousseff é a primeira mulher a governar o Brasil.

Ranieri Mazzilli governou o Brasil por duas vezes: entre a renúncia de Jânio Quadros e a posse de João Goulart, em 1961, e entre a deposição de Goulart e o início do governo Castelo Branco, em 1964.

Afonso Pena, que governou entre 1906 e 1909, morreu no exercício do mandato, sendo o mandato assumido pelo vice Nilo Peçanha, que completou o seu mandato em 1910.

1961 foi o ano em que o Brasil mais teve presidentes, quatro, ao todo. Até o dia 31 de janeiro, era Juscelino Kubstscheck. Nesse dia, Jânio Quadros tomou posse, mas renunciou em 25 de agosto do mesmo ano. Em seguida, Ranieri Mazzilli, que era o presidente da Câmara dos Deputados, assumiu inteirinamente, já que o vice João Goulart estava na China. Goulart assumiu no dia 7 de setembro de 1961, sendo o quarto presidente no mesmo ano.

Castelo Branco, Costa e Silva, Médici, Geisel e Figueiredo governaram o Brasil no período da DITADURA MILITAR.

Delfim Moreira, que governou o Brasil de 1918 a 1919, era o vice de Rodrigues Alves, que havia sido eleito pela segunda vez, mas morreu de gripe espanhola. Delfim convocou novas eleições, como determinava a Constitução de 1891. O mesmo viria a ocorrer em 1985, quando Tancredo Neves foi eleito presidente, mas morreu antes de tomar posse e quem assumiu foi o vice José Sarney.

Fernando Henrique Cardoso, em 1998, e Lula, em 2006, foram os dois presidentes reeleitos na História da República para um segundo mandato consecutivo.

Fernando Collor foi o único presidente afastado por corrupção, em 1992. Assumiu seu vice, Itamar Franco.

Em toda a História, tivemos apenas um presidente que era parente de outro ex-presidente. O Marechal Hermes Rodrigues da Fonseca, que governou entre 1910 e 1914, era sobrinho do Marechal Manuel Deodoro da Fonseca.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Artistas são convocados a "declarar seu amor" por Limoeiro. Falta a cidade corresponder a esse amor

  A Prefeitura Municipal de Limoeiro lançou a Mostra Cultural Virtual sobre Limoeiro, onde cada artista seja de qual área for, poderá se ins...