sexta-feira, 30 de novembro de 2012

JUSTIÇA NEGA PEDIDO DE RETIRADA DA EXPRESSÃO "DEUS SEJA LOUVADO" DAS NOTAS DE REAL



DE SÃO PAULO 

A Justiça negou ontem (29) o pedido para retirar a expressão "Deus seja louvado" das cédulas do real feito pelo Ministério Público Federal de São Paulo . Segundo a decisão judicial, a menção a Deus nas notas do real "não parece ser um direcionamento estatal na vida do indivíduo que o obrigue a adotar ou não determinada crença", afirma a decisão sobre a ação. "Assim como também não são os feriados religiosos e outras tantas manifestações aceitas neste sentido, como o nome de cidades". A sentença é da 7ª Vara da Justiça Federal. A decisão é provisória e pode ser revogada ou modificada.  

No início de novembro, o Ministério Público de São Paulo entrou com uma ação civil pública para pedir que as novas cédulas de real passassem a ser impressas sem a expressão "Deus seja louvado". O pedido, feito pela Procuradoria Regional dos Direitos do Cidadão, afirma que a existência da frase nas notas fere os princípios de laicidade do Estado e de liberdade religiosa. O Banco Central defende que este tema deve ser debatido pelo Conselho Monetário Nacional e que há "inexistência de verossimilhança das alegações" e [...] que estas não violam os princípios constitucionais do Estado Laico e da liberdade religiosa". "De fato, não foi consultada nenhuma instituição laica ou religiosa não cristã que manifestasse indignação perante as inscrições da cédula e não há notícia de nenhuma outra representação perante o Ministério Público neste sentido", reconhece a decisão judicial da 7ª Vara. "A alegação de afronta à liberdade religiosa não veio acompanhada de dados concretos, colhidos junto à sociedade, que denotassem um incômodo com a expressão 'Deus' no papel-moeda." O pedido de retirada da expressão causou polêmica sobre a possível alteração das notas de real. Um dos críticos foi o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), que foi responsável por incluir a frase nas cédulas da moeda brasileira quando foi presidente da República, em 1986. Sarney classificou a ação como "falta do que fazer" do Ministério Público. A Igreja Católica também criticou a ação. "Questiono por que se deveria tirar a referência a Deus nas notas de real. Qual seria o problema se as notas continuassem com essa alusão a Deus?", afirmou dom Odilo Scherer, arcebispo metropolitano de São Paulo, em nota.
 
Fonte: Blog Folha de Limoeiro

LIMOEIRO CONQUISTA O SELO UNICEF MUNICÍPIO APROVADO



Selo UNICEF Município Aprovado! Esse foi o título conquistado pelo município de Limoeiro, nesta quinta-feira (30), em solenidade realizada no Museu Nacional, Setor Cultural, em Brasília (DF), através da Representação UNICEF no Brasil. O selo é referente à gestão 2009-2012 e contempla os municípios que se destacaram em ações de políticas públicas voltadas as crianças e aos adolescentes nos diversos segmentos da sociedade.
No Distrito Federal, a certificação foi entregue ao prefeito Ricardo Teobaldo, o qual esteve ladeado pela assistente social Rita Barros, articuladora local do selo. O anúncio oficial foi feito pelo Representante do UNICEF no Brasil, Gary Stahl. Em Pernambuco, outras 26 cidades também foram contempladas com a premiação nacional. “Hoje estamos recebendo o reconhecimento de um trabalho voltado para cuidar das pessoas. Os números apresentados pelo município de Limoeiro mostram que as nossas ações alcançaram as metas estabelecidas pela Unicef”, destacou o gestor municipal.
Histórico do Selo - O Selo UNICEF Município Aprovado é uma tecnologia social inovadora, lançada em 1999 no Ceará, que, desde 2005, alcança todo o Semiárido Brasileiro. A partir de 2009, o Selo chegou à Amazônia Legal Brasileira, articulando, mobilizando, comunicando, acompanhando e, finalmente, certificando as políticas públicas municipais voltadas para a garantia dos direitos de crianças e adolescentes.
O Projeto Selo UNICEF Município Aprovado faz parte do pacto nacional Um mundo para a criança e o adolescente do Semiárido e da Agenda Criança Amazônia, iniciativas de solidariedade, cidadania e compromisso com o desenvolvimento dessas regiões que abrangem mais de 2.200 municípios de 20 Estados brasileiros (os nove Estados do Nordeste, o Espírito Santo e Minas Gerais e os nove Estados que compõem a Amazônia Legal Brasileira).
O Pacto e a Agenda representam a união de forças entre governo federal, governos estaduais, organizações da sociedade civil, organismos internacionais, empresas e população. Nos quatro anos de mobilização da Edição 2009 - 2012, os quase 1.800 municípios inscritos no Selo UNICEF alcançaram resultados significativos nas áreas da Assistência Social, Saúde e Educação, por meio da mobilização social, do desenvolvimento de capacidades e do monitoramento das políticas públicas. Esse movimento tem buscado contribuir, também, para o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio nessas regiões do país.
O Selo UNICEF Município Aprovado também promoveu um amplo processo de participação social por meio da realização de dois Fóruns Comunitários, ocasiões em que a comunidade teve a oportunidade de avaliar, elaborar e acompanhar propostas para melhoria das políticas para a infância e adolescência em seus municípios. Para conquistar o Selo, os municípios foram avaliados em três eixos: Impacto Social, Gestão de Políticas Públicas e Participação Social. O Impacto e Gestão foram avaliados a partir do desempenho de indicadores de Saúde, Educação e Proteção no período de quatro anos.
No Semiárido, os municípios certificados conquistaram avanços e melhoras em, pelo menos, 18 indicadores de um total de 32 nos eixos de Impacto Social e Gestão de Políticas Públicas, além de ter pontuado em pelo menos duas das atividades da Participação Social. Na Amazônia, de um total de 33 indicadores dos Eixos de Impacto Social e Gestão de Políticas Públicas, os municípios certificados avançaram em, no mínimo, 15 indicadores, além de ter pontuado em pelo menos duas das atividades da Participação Social.
Alfredo Neto | Com Informações do Portal UNICEF

SOTAQUE E TEMPERO BAIANO NO PROJETO CULTURA LIVRE NAS FEIRAS EM LIMOEIRO


Arte e Cultura onde o povo está. Este é o objetivo do Projeto Cultura Livre nas Feiras, que neste sábado (1º), aporta no Pátio de Eventos Toinho de Limoeiro (Pátio da Feira), Centro de Limoeiro, a partir das 08h, para mais uma manhã de apresentações culturais abertas ao público em geral.
De acordo com a coordenação do projeto, a programação contará com o sabor baiano do Acarajé do Alabiyi com a participação da Nega Maluca interagindo com o público. O projeto é uma realização do Governo de Pernambuco (Secretaria de Cultura e Fundarpe) com o apoio da Prefeitura de Limoeiro (Secretaria Municipal de Cultura e Juventude).
Alfredo Neto | Departamento de Imprensa

CONTRIBUINTE EM DIA TEM DESCONTO ESPECIAL E CONCORRE A PRÊMIOS EM LIMOEIRO



Os contribuintes do município de Limoeiro têm até o dia 28 de dezembro de 2012 para efetuar o pagamento dos impostos municipais e concorrer a cinco valiosos prêmios. De acordo com a Secretaria Municipal de Finanças, a campanha “Imposto em Dia dá Prêmios” continua até o final do ano possibilitando os munícipes efetuar pagamentos com descontos especiais.
Para o Imposto Sobre Propriedade Territorial Urbana (IPTU), o contribuinte conta com um desconto de 30% do valor total. Em relação à Dívida Ativa, ele ficará isento de multas e juros. Após o pagamento, o contribuinte deve dirigir-se ao Departamento de Rendas, apresentar o comprovante de pagamento e preencher o cupom para o sorteio.
Ainda de acordo com a secretaria, o sorteio acontecerá durante a Festa de São Sebastião 2013, no mês de janeiro. Segundo o prefeito Ricardo Teobaldo, o objetivo da campanha foi estimular os munícipes a efetuarem o pagamento dos impostos municipais, contribuírem com melhorias na cidade e ainda ter a chance do concorrer a vários prêmios.Serão sorteados 01 geladeira, 01 fogão, 01 computador, 01 televisor e 01 carro 0km.
Alfredo Neto | Departamento de Imprensa

NASA DESMENTE FIM DO MUNDO E ALERTA PARA SUICÍDIOS

Agência espacial dos Estados Unidos convocou seus cientistas em uma conferência online para explicar que não há fundamento na ideia de que o mundo vai acabar em dezembro

AFP/Nasa
Segundo a Nasa, se um planeta fosse colidir com a Terra em 21/12, hoje já seria visível a olho nu
Após receber uma enxurrada de cartas de pessoas seriamente preocupadas com teorias que preveem o fim do mundo no dia 21 de dezembro de 2012, a agência espacial americana resolveu "desmentir" esses rumores na internet. 

Na quarta-feira (28), a Nasa fez uma conferência online com a participação de diversos cientistas. Além disso, também criou uma seção em seu website para desmentir que haja indícios de que um fim do mundo esteja próximo.
Segundo o astrobiologista David Morrison, do Centro de Pesquisa Ames, da Nasa, muitas das cartas expondo preocupações com as teorias apocalípticas são enviadas por jovens e crianças. 
Alguns dizem até pensar em suicídio, de acordo com o cientista, que também mencionou um caso, reportado por um professor, de um casal que teria manifestado intenção de matar os filhos para que eles não presenciassem o apocalipse.
"Estamos fazendo isso porque muitas pessoas escrevem para a Nasa pedindo uma resposta (sobre as teorias do fim do mundo). Em particular, estou preocupado com crianças que me escrevem dizendo que estão com medo, que não conseguem dormir, não conseguem comer. Algumas dizem que estão até pensando em suicídio", afirmou Morrison.
"Há um caso de um professor que disse que pais de seus alunos estariam planejando matar seus filhos para escapar desse apocalipse. O que é uma piada para muitos e um mistério para outros está preocupando de verdade algumas pessoas e por isso é importante que a Nasa responda a essas perguntas enviadas para nós."
Calendário maia Um desses rumores difundidos pela internet justifica a crença de que o mundo acabará no dia 21 dizendo que essa seria a última data do calendário da civilização maia.
Outro rumor tem origens em textos do escritor Zecharia Sitchi dos anos 70. Segundo tais teorias, documentos da civilização Ssméria, que povoou a Mesopotâmia, preveriam que um planeta se chocaria com a Terra. Alguns chamam esse planeta de Nibiru. Outros de Planeta X.
"A data para esse suposto choque estava inicialmente prevista para maio de 2003, mas como nada aconteceu, o dia foi mudado para dezembro de 2012, para coincidir com o fim de um ciclo no antigo calendário maia", diz o site da Nasa.
Sobre o fim do calendário maia, a Nasa esclarece que, da mesma forma que o tempo não para quando os "calendários de cozinha" chegam ao fim, no dia 31 de dezembro, não há motivo para pensar que com o calendário maia seria diferente – 21 de dezembro de 2012 também seria apenas o fim de um ciclo.
A agência espacial americana enfatiza que não há evidências de que os planetas do sistema solar "estejam se alinhando", como dizem algumas teorias, e diz que, mesmo que se isso ocorresse, os efeitos sobre a Terra seriam irrelevantes. Também esclarece que não há indícios de que uma tempestade solar possa ocorrer no final de 2012 e muito menos de que haja um planeta em rota de colisão com a Terra.
Fonte: BomJardim.PE

quinta-feira, 29 de novembro de 2012

DIDI E CASSETAS FICARÃO SEM PROGRAMAS NA GLOBO EM 2013


A turma dos cassetas e Renato Aragão (foto) não terão mais espaço na programação da Globo em 2013.
Tanto o “Casseta & Planeta” como a “Turma do Didi” acabarão em dezembro, sem possibilidade de novas temporadas no próximo ano. Os atores do elenco e a produção dos dois programas foram avisados na tarde de quinta-feira (29) que as duas atrações vão acabar. Muitos deles serão dispensados.
Os cassetas, que estão renovando contrato com a Globo, seguirão em projetos solos na emissora.
Renato Aragão também seguirá como contratado do canal, mas não deve ganhar uma nova atração tão cedo.
A emissora pretende investir em novos humoristas em 2013. Está tentando contratar Marcelo Adnet, da MTV.

Fonte: Folha de São Paulo

PAULINHO DO ACORDEON EM CABO DE SANTO AGOSTINHO

O forrozeiro limoeirense Paulinho do Acordeon estará amanhã, no Clube Destilaria, no Cabo de Santo Agostinho, na "Noite do Gonzagão", que contará com presença de outros artistas, a exemplo de Almir Rouche, Beto Hortis, Terezinha do Acordeon, Cezzinha e Deivinho. O show será realizado no Clube Destilaria, e os ingressos custam 15 reais. Será mais uma homenagem ao inesquecível Luiz Gonzaga, que faria no próximo dia 13 100 anos se estivesse vivo. Paulinho é conhecido por ser um discípulo fiel de Gonzaga, do autêntico forró pé de serra.

JORNALISMO DE LUTO: MORRE JOELMIR BETING


  • Jornalista Joelmir Beting morre em São Paulo aos 75 anos
    Jornalista Joelmir Beting morre em São Paulo aos 75 anos
Jornalista, comentarista de economia e política do Grupo Bandeirantes, Joelmir Beting morreu na madrugada desta quinta-feira (29) à 0h55, em São Paulo. Ele sofreu um acidente vascular encefálico hemorrágico no domingo, considerado "irreversível". A notícia foi confirmada pelo filho Mauro Beting no Twitter, que escreveu: "Um minuto de barulho por Joelmir Beting." A assessoria do hospital Albert Einstein, onde ele estava internado, também confirmou a morte. O corpo será velado na manhã de quinta-feira, a partir das 8h, no Cemitério do Morumbi, local próximo ao hospital Albert Einstein, na zona sul da capital paulista. Às 14h, a sala do cemitério será fechada para um ato religioso apenas com a presença dos familiares, e às 16h  o corpo será levado ao crematório do Cemitério Horto da Paz.
O jornalista de 75 anos estava internado desde 22 de outubro por causa de complicações renais, resultantes de uma doença autoimune. O quadro se agravou após o acidente vascular hemorrágico, que o deixou em coma e respirando com ajuda de aparelhos.

“Eu acho que eu aprendi com ele a ter prazer por trabalhar e trabalhar sempre”, falou Mauro. “Alguém tinha que dar essa notícia e eu achei que devia ser eu”. Mauro e Erich Beting, sobrinho do jornalista, agradeceu pelas mensagens de apoio no Twitter. Em texto publicado no blog do diário Lance!, Mauro homenageou o pai, dizendo ter tomado conhecimento da notícia à 1h15. "A ausência dele não tem nome. Como jamais saberei escrever o que ele é", relatou o filho. Ele estava trabalhando na Rádio Bandeirantes quando recebeu a notícia e a veiculou ao vivo.
Desde que retornou à Bandeirantes, em março de 2004, Joelmir participava diariamente do "Jornal da Band" e do "Primeiro Jornal". Foi âncora do "Canal Livre", apresentado aos domingos, e fez comentários diários no canal BandNews, além dos programas "Jornal Gente" e "Três Tempos", na Rádio Bandeirantes. Na TV, também trabalhou na Gazeta, Record e Globo --nesta última, de agosto de 1985 até julho de 2003--, passando pelo "Espaço Aberto", na Globo News.
Fonte: UOL Notícias

Presidente da Câmara de Limoeiro testa positivo pra Covid

  O presidente da Câmara de Limoeiro, Juarez de Conavles (DEM), testou positivo para a Covid-19. Ele não compareceu à reunião de hoje e se e...