sexta-feira, 30 de maio de 2014

Novo espetáculo ao ar livre tem a participação do limoeirense Jadenilson Gomes

O MASSACRE DE ANGICO tem a participação de Jadenilson Gomes:
Um dos mais ousados espetáculos ao ar livre do Estado de Pernambuco já começa a ganhar fôlego para uma nova temporada. O Massacre de Angico que conta a Morte de Lampião acaba de lançar nas redes sociais o vídeo promocional deste ano. A produção do espetáculo que tem a frente a Fundação Cabras de Lampião foi produzido pelo competente Camilo Melo. Uma das novidades nesta edição é a participação do ator limoeirense Jadenilson Gomes ( do Centro de Criação Galpão das Artes ) que viverá o papel de Padre Cícero no espetáculo que tem a direção do reconhecido diretor José Pimentel. Este ano também a Rede Globo Nordeste é uma das apoiadoras deste importante evento que tem eco vindo lá do sertão. O MASSACRE DE ANGICO – A MORTE DE LAMPIÃO reafirmar o estado de Pernambuco como o palco dos maiores espetáculos teatrais do Brasil. E, nesse caso, um grande autor, um consagrado diretor, para contar essa história de TRAIÇÃO, AMOR E ÓDIO, que tem como palco, os confins do sertão, na primeira metade do século passado.

Texto de Fábio André 

Parte da programação do São João de Limoeiro é divulgada

São João de 2012.
Um dia antes da divulgação oficial do São João de Limoeiro 2014, cuja programação será apresentada amanhã na Churrascaria Sal e Brasa, no Recife, os limoeirenses já conhecem parte da programação junina para esse ano. Entre as atrações, estão Cláudia Leitte, Petrúcio Amorim, Polentinha do Arrocha, Novinho da Paraíba e a Banda Cavaleiros do Forró.

Essa divulgação foi feita pela versão digital do Diário de Pernambuco, mas apenas amanhã é que será anunciada a programação oficial. Pode haver mudança ou não.

Café Literário realiza I Encontro de Cultura Popular

Na tarde do próximo domingo (01), o Café Literário de Limoeiro realizará o I Encontro de Cultura Popular. O evento será na Praça da Bandeira, em seu anfiteatro, e terá seu início a partir das 16h. Será uma festa de muita cultura popular.

O evento contará com a presença de alguns integrantes da cultura popular, a exemplo do coquista Zé de Teté e de vários capoeiristas. Também haverão declamação de poesias. Segundo Sérgio Ricardo, poeta popular e integrante do Café Literário, as atrações já estão confirmadas. O Café Literário é formado por pessoas que atuam na área da literatura em Limoeiro, sendo eles: Maciel França, Sérgio Ricardo, Sandra Maria, Maria do Carmo Lira, Valdenes Guilherme, Socorro Freitas, Úrsula Nunes, Gena Barbosa e sua esposa Socorro, entre outros.

Limoeiro pede socorro: onda de assaltos toma conta da cidade

Após algum tempo mais sossegada, Limoeiro vem assombrada com uma onda de assaltos nos últimos dias. Na noite de ontem, algumas pessoas foram assaltadas na região situada entre o CERU, a Cohab Velha e a Cohab Nova. Foi um verdadeiro arrastão, pois dois estudantes do CERU foram assaltado nas proximidades da escola. Outra estudante teve seu celular roubado na Avenida Sul, e ainda por cima, teria encontrado um outro jovem que havia sido vítima de assalto no início da rua.

Já no bairro João Ernesto, também vem acontecendo uma onda de assaltos, o que inclusive, levou o vereador Beto de Washington a solicitar intervenção da polícia. Semana passada, uma estudante de Bom Jardim foi vítima de um assalto perto do Horto Florestal. No dia seguinte, um assalto foi registrado no Bairro José Fernandes Salsa, próximo ao Colégio Industrial. No outro dia, foi a vez de um estudante residente em Salgadinho passar por essa situação desagradável próximo à Ponte Velha.

A situação já saiu do normal, e as autoridades precisam urgentemente tomar providências, pois várias pessoas, assombradas, só estão saindo de casa por um último caso. Os jovens que estudam nas faculdades têm sido o maior alvo dos assaltantes, o que deixa realmente todos os familiares com o coração nas mãos.

O povo quer segurança.

quinta-feira, 29 de maio de 2014

Ponte da Congal é coberta pelas águas do Rio Capibaribe

O pontilhão da Congal, na tarde desta quinta-feira (29), neste momento, encontra-se coberto pelas águas do Rio Capibaribe, devido às fortes chuvas que caíram da noite de ontem até a manhã de hoje. Impressiona que algumas crianças pulam no rio, brincam, nadando no rio, o que representa um grande perigo.



Dilma receberá plano do PT para controle da mídia

 / Foto: José Cruz/ABr

Foto: José Cruz/ABr

O programa do PT que será apresentado à presidente Dilma Rousseff defende o controle de conteúdo da mídia. O assunto ainda não chegou às reuniões de coordenação da pré-campanha reeleitoral, mas a regulamentação econômica da mídia será um dos temas de debate na hora da preparação do programa de governo, a ser levado para discussão com os partidos aliados. 
Dilma, sempre que indagada, afirma que é a favor da regulamentação do controle econômico da mídia, mas ressalva que jamais concordaria com controle de conteúdo. "O melhor controle é o controle remoto", reitera a presidente, sempre que este assunto vem à baila. Embora defenda a regulamentação econômica da mídia, qualquer tratativa mais profunda sobre o tema, de acordo com interlocutores da presidente, será feita no Congresso. 
O tema é considerado "muito polêmico" e de baixo dividendo político. Além disso, quando a discussão chegar ao Congresso, terá de enfrentar muitos parlamentares que são donos de empresas de comunicação, além de outros que não querem comprar a polêmica. Ainda assim, antes que se pudesse pensar em encaminhá-lo ao Congresso, interlocutores da presidente lembram que o projeto teria de ser discutido com a sociedade. 
Um dos interlocutores da presidente Dilma disse que a proposta apresentada pelo PT foi "genérica". Mas ressaltou que a ideia é discutir a democratização da mídia e sugeriu como modelo a regulamentação que existe nos Estados Unidos, onde um empresário do setor precisa escolher se quer ter uma rádio, uma empresa de jornal ou uma de televisão. 
Há quatro anos, Franklin Martins, ex-ministro de Comunicação Social do governo Luiz Inácio Lula da Silva, elaborou uma proposta, que deixou no Planalto para ser levada ao Congresso. Dilma, no entanto, embora desde aquela época reiterasse o discurso de que é a favor da regulação econômica e contra a de conteúdo, preferiu deixar o polêmico projeto de lado.
Nos últimos dias, Lula voltou a pregar o controle social da mídia. Mas qualquer nova investida no tema necessitaria de elaboração de um novo projeto porque o deixado por Franklin já estaria desatualizado, sem incorporar questões fundamentais de mídias digitais, como os mecanismos de busca do Google. 
Um projeto deste teor teria de ser feito para regulamentar dois artigos da Constituição 220 e 221, que estabelecem que os meios de comunicação não podem ser objeto de monopólio ou oligopólio, que parlamentares não podem ser donos de emissoras e que precisa existir uma cota para produção regional e independente. 
PREOCUPAÇÃO - "A interferência no conteúdo dos meios de comunicação é abominável e, felizmente, a presidente Dilma não tem dado guarida a isso", afirmou o presidente da Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (Abert), Daniel Slaviero. O problema da regulamentação econômica do setor, segundo ele, é o "viés retrógrado" que o PT dá ao assunto. 
"É com preocupação que vemos que o partido usa o argumento da regulação econômica para voltar com os eufemismos do controle social da mídia. É um retrocesso." Slaviero diz que a entidade está aberta para debater a regulação do setor, desde que seja uma regulação que olhe para o "futuro".
Em nota, o diretor administrativo da Associação Brasileira de Imprensa (ABI), Orpheu Santos Salles, afirmou que a entidade é "contrária a tudo que restringe a liberdade de opinião e expressão e a qualquer monopólio ou oligopólio que venha a ferir as liberdades como configurado na Constituição".
A Associação Nacional de Jornais (ANJ) informou que só se manifestaria sobre o tema após a divulgação oficial da proposta petista de regulação do setor.

FONTE: JC ONLINE

A luta de Eduardo Campos para se tornar conhecido



Do JC Online

 / Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

O presidenciável Eduardo Campos (PSB) continua concentrando esforços para ser tornar mais conhecido no Sudeste do país. Depois de quase dois meses morando em São Paulo, o socialista cumpre, hoje, sua maior agenda no território paulista. Eduardo terá, pelo menos, 12 compromissos públicos nos municípios de Franca e Araraquara, localizados no interior de São Paulo.

A maioria das agendas são em rádios locais, onde Eduardo falará sobre seu projeto nacional. O roteiro começa às 9hs, quando ex-governador de Pernambuco dará entrevista coletiva no aeroporto de Franca. Às 11hs, ele participa de um almoço na Fábrica de Calçados. O município tem quase 400 mil eleitores.

A partir das 16h, Eduardo Campos estará em Araraquara, onde também concederá coletiva de imprensa. Depois de três entrevistas em rádios locais, o presidenciável terá uma reunião com o prefeito da cidade, Marcelo Barbieri, do PMDB. Os compromissos se encerram no final da noite, com o encontro Regional PSB, PPL e PPS.

FONTE: JC ONLINE

Armando aprova emissão eletrônica de Carteira de Trabalho



Brasília – A Comissão de Assuntos Sociais (CAS) do Senado aprovou nesta quarta-feira (28), por unanimidade, o relatório do senador Armando Monteiro favorável ao projeto de lei que permite a emissão eletrônica da Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS). O projeto apresenta benefícios importantes para os trabalhadores.

De acordo com Armando, a emissão eletrônica permite maior segurança na identificação dos trabalhadores, com a melhora nos indicadores de cidadania, além de reduzir custos aos empregadores e segurança nas relações contratuais.

“É uma alternativa válida de legislação para estimular o avanço nas discussões em torno da utilização da informática no processo de modernização das relações de trabalho no Brasil”, destacou Armando Monteiro.



Crédito da foto: Ana Luiza Sousa/Divulgação

 

terça-feira, 27 de maio de 2014

Acidente na divisa de Limoeiro com Lagoa do Carro deixa dois mortos e quatro feridos

Na madrugada desta segunda-feira (26), por volta das 4h20 duas pessoas morreram e quatro ficaram feridas em um Grave acidente envolvendo uma moto Honda Placa, KHL-9050 e um Classic Placa, PEJ-5611 na PE-90, na divisa Limoeiro e Lagoa do Carro, próximo ao Prive Campo Grande.

 O piloto da moto, de 26 anos, nome não informado, e uma passageira do carro, de 58 também com o nome não informado, não resistiram aos ferimentos e morreram ainda no local. O carro estava no sentido Limoeiro, enquanto a moto seguia em direção a Carpina, quando colidiram. Um total de cinco passageiros vinha no carro – os quatro que ficaram feridos foram socorridos para o Hospital Regional José Fernandes Salsa, em Limoeiro, de acordo com o Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv).

As vitimas são, Josefa Lopes Vieira 59 anos, Claudivânia de Kássia Silva de Freitas 32 anos, Djalma Melo Araujo 66anos, ambos vinham no veiculo e são moradores da cidade de Bonus Aires.
Gilson da Silva Tomé 33 anos, era a garupa da moto foi encaminhado ao Hospital Regional de Limoeiro, juntamente com as outras vitimas e em seguida foi encaminhado ao HR. Já as outras vitimam estão em observação no Hospital Regional de Limoeiro.  
Três unidades do SAMU de Limoeiro e lagoa do Carro participaram dos resgates das vitimas deste acidente.

FONTE: FOLHA DE LIMOEIRO

Armando Monteiro ironiza os ataques de Paulo Câmara

 / Fotos: JC Imagem

Fotos: JC Imagem

Armando Monteiro (PTB), pré-candidato ao governo do Estado, ironizou, na noite dessa segunda (26), em Carpina, os ataques que recebeu do seu opositor, Paulo Câmara (PSB). No final de semana, o socialista afirmou que Armando “não representa Eduardo” e que o senador não teria experiência de gestão pública para assumir o governo do Estado.
Com ironia, Armando rebateu dizendo Paulo Câmara teria terminado seu “treino”: “é bom saber que ele opina politicamente. Porque a impressão que se tinha até então é que ele era alguém que se coloca de repente como candidato e nem se coloca no debate público. É sinal de que ele teve um treino e entra agora finalmente no debate público”.
O senador completou a fala acrescentando que não está fechado para o debate político. “Nós não temos nenhum problema de fazer este debate, mas há contradições que se revelam nitidamente”, disse.
Ainda em Carpina, Armando recebeu apoio de lideranças locais do PSB. Depois seguiu para a cidade de Nazaré da Mata, onde realizou a plenária do Pernambuco 14, acompanhado de João Paulo (PT), pré-candidato ao Senado.
Durante o dia, Armando participou de reuniões com a equipe técnica que está montando o seu programa de governo. Entre os temas, estavam mobilidade, segurança e qualificação profissional. A convenção do PTB foi marcada para o dia 27 de junho, no Chevrolet Hall.

FONTE: JC ONLINE

Armando Monteiro e João Paulo recebem apoios de lideranças do PSB das Matas Norte e Sul



Carpina - Antes de participar da décima plenária do Pernambuco 14, em Nazaré da Mata, nesta segunda-feira (26), o pré-candidato ao governo do Estado, senador Armando Monteiro (PTB), e o pré-candidato ao Senado, deputado federal João Paulo (PT), encontraram várias lideranças da Mata Norte para receber apoio político.

Dentre os membros do PSB que declararam adesão estão a vereadora de Lagoa do Carro, Maria José da Costa, e o ex-prefeito de Camutanga, José Trigueiro. Na manhã de ontem (domingo, 25), durante a realização da plenária do Pernambuco 14, em Palmares, na Mata Sul do Estado, Armando e João também receberam o apoio do ex-candidato a prefeito pelo PSB em Gameleira, Tarcizio Feijó. No evento, ele reivindicou maior atenção às estradas da região e disse que está com Armando e João por eles reunirem a experiência e competência necessárias para conduzir o desenvolvimento de Pernambuco.

Mais apoios - Durante o giro pela Zona da Mata nesta segunda-feira, Armando e João também se reuniram com lideranças dos municípios de Chã de Alegria, Paudalho, Itambé e Ferreiros. Deste último município, que é administrado pelo prefeito Gileninho (PSB), estão com Armando e João o vice-prefeito Toinho do PT e o vereador José Roberto (PT).

Além da vereadora do PSB de Lagoa do Carro, outros sete vereadores do município garantiram o apoio a Armando e João. São eles: o presidente da Câmara Municipal, Josivan Valdemar (PSC) e os vereadores José Carlos da Silva (Solidariedade), José Cavalcanti (PDT), Arlindo Inácio (PR), Sérgio Vasconcelos (PCdoB), José Carlos da Cruz (PSC) e Daniel Silva (PSDB).

De Paudalho, estiveram os vereadores Valquíria de Gustavo (PT), Albertino Estevão (PSDB), Milton José (PSDC), Lindalva Oliveira (PPS), Sérgio Dias (PT) e Neo Amorim (PR).


Crédito da foto: Léo Caldas/Divulgação

sexta-feira, 23 de maio de 2014

Armando Monteiro: "O debate que interessa é o futuro de Pernambuco"



Em entrevista à rádio JC News nesta sexta-feira (23), o senador Armando Monteiro (PTB) voltou a defender uma discussão qualificada sobre os desafios que se colocam para Pernambuco nos próximos anos e que é preciso fugir do que chamou de “debate eleitoral rasteiro”.

Reconhecendo que o Estado teve avanços importantes nos últimos anos, Armando enfatizou que é preciso assegurar a manutenção de certas linhas programáticas que permitiram um maior dinamismo na economia. Contudo, ele ressalta a necessidade de se fazer um desenvolvimento que chegue a todos os pernambucanos e cita, por exemplo, o investimento em educação. “Alguém imagina que Pernambuco vai ingressar efetivamente em um processo de desenvolvimento pleno se não investirmos mais e melhor na educação?”, indagou.

Na entrevista, Armando também falou sobre sua experiência na vida pública, lembrando que sempre foi conduzido aos cargos que ocupou – seja como deputado federal, líder sindical e senador -, por meio do voto. “Todas as funções que exerci foram através do voto, quando já estava na vida pública. E alguns estiveram sempre na vida pública pela via da nomeação”, sublinhou.

Abaixo, as declarações do senador sobre estes temas.

A experiência na vida pública

Armando Monteiro – “A função pública não é aquela que deriva apenas de quem participa da administração pública e do executivo. A função pública é exercida nos poderes que constituem o Estado. Portanto, o exercício da atividade parlamentar é função pública. Eu efetivamente não fui da burocracia nunca, nunca integrei a burocracia. Agora, a diferença é que minhas funções foram sempre exercidas através do voto. E alguns estiveram sempre na vida pública pela via da nomeação”.

Pernambuco quer fazer um desenvolvimento melhor

Armando Monteiro – “Eu sempre disse que o governo de Eduardo foi exitoso, que fez entregas importantes à população de Pernambuco. E nós demos uma contribuição para que isto acontecesse.  Só que Eduardo já foi eleito e reeleito. E agora nós temos de olhar para a frente. E qual é o nosso desafio? É assegurar a manutenção de certas linhas programáticas que são importantes. Ou seja, Pernambuco quer continuar crescendo. Pernambuco quer continuar tendo dinamismo na economia. Pernambuco precisa receber ainda grandes investimentos. Mas Pernambuco quer fazer um desenvolvimento melhor. E aí eu aponto insuficiências. Eu aponto problemas.  Mas problemas não para fazer o debate eleitoral rasteiro. Mas para saber o que é que Pernambuco precisa priorizar nesta nova agenda”.

Educação e desenvolvimento pleno

Armando Monteiro – “Alguém imagina que Pernambuco vai ingressar efetivamente em um processo de desenvolvimento pleno se não investirmos mais e melhor na educação? Um Estado pode ter um desenvolvimento verdadeiro se não tiver capacitando e qualificando os verdadeiros agentes deste processo de desenvolvimento, que são as pessoas? Então, Pernambuco será no futuro aquilo que nós formos capazes de fazer na educação. Porque a educação atua sobre dois ambientes. Atua sobre o social, corrigindo desigualdades, porque não existe forma mais perversa de discriminação senão aquela que resulta da falta de oportunidades educacionais. Quando as pessoas se educam elas se emancipam. E, segundo, não há melhor forma de atuar sobre a economia senão investindo na educação. Porque ao melhorar a escolaridade o trabalhador tem melhores condições de assimilar os programas de formação e capacitação e você tem um trabalhador mais produtivo e melhor remunerado. Portanto, aumentar a produtividade na economia passa pela educação. Corrigir os desníveis sociais passa pela educação”.

Crédito da foto: Léo Caldas/divulgação

Trilha será realizada neste sábado em Limoeiro.

Na manhã deste sábado (24), será realizada uma trilha com a participação dos alunos da (CAV-UFPE) do núcleo de Educação Física, com o professor Adriano Bento coordenador da disciplina para uma aula prática de mountain bike na zona rural de Limoeiro.

A concentração será na Praça da Bandeira, a partir da 7h, seguido de um  café da manhã, de 7h30, na sede da Secretaria Municipal de Educação e Esportes. E às 8h está prevista a saída.

A Realização do Evento é do Clube da Bike de Limoeiro, com o apoio da Secretaria Municipal de Educação e Esportes e da Diretoria de Esportes, através do diretor Robertinho Galvão.

Jovem tenta suicídio em Limoeiro

 Por volta das 19h00minas desta quinta feira (22), a senhora Maria José da Silva, de 26 anos, residente no alto da caixa d’água, em Limoeiro,  a mesma tentou suicídio pulando de cima da Ponte Severino Pinheiro, de uma altura de aproximadamente 30 metros.
Segundo informações colhidas com o reporte fotográfico, Edvaldo Carvalho, a vitima após uma briga de casal, a mesma jogou se de cima da ponte velha (Ponte Severino Pinheiro), o seu companheiro ainda tentou segurar pelas pernas mais não obteve êxito e a vitima veio a cair entre as pastas e a água.
 Ela foi resgatada e socorrida por uma unidade do SAMU, que foi acionada por Edvaldo Carvalho, que deu toda assistência a vitima até a chegada do SAMU. O SAMU fez o resgate da mesma que após todo o procedimento a conduziu ao Hospital Regional de Limoeiro.
Já no hospital ela foi atendida pela equipe medica  e liberada em seguida,  já que não sofreu nem uma lesão, saindo a mesma ilesa da queda devido ter caído entre as pasta e a água que veio a  amortecer a queda. A vitima juntamente com seu companheiro são alcoólatras segundo as informações.

FONTE: FOLHA DE LIMOEIRO

Joaquim Barbosa revoga trabalho externo de mais quatro condenados do Mensalão



Da Agência Brasil

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa, revogou nesta quinta-feira (22) o benefício de trabalho externo de mais quatro condenados na Ação Penal 470, o processo do mensalão. O presidente cassou o benefício dos ex-deputados Valdemar Costa Neto, Bispo Rodrigues e Pedro Corrêa e do ex-tesoureiro do extinto PL Jacinto Lamas. Barbosa entendeu que eles não podem receber trabalhar fora do presídio por não terem cumprido um sexto da pena.
Com o mesmo argumento, Barbosa revogou os benefícios do ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares, do ex-deputado Romeu Queiroz, do ex-advogado de Marcos Valério, Rogério Tolentino, e do ex-ministro da Casa Civil José Dirceu, que não chegou a receber autorização para trabalhar.
De acordo com a Lei de Execução Penal, a concessão do trabalho externo deve seguir requisitos objetivos e subjetivos. A parte objetiva da lei diz que o condenado deve cumprir um sexto da pena para ter direito ao benefício. "A prestação de trabalho externo, a ser autorizada pela direção do estabelecimento, dependerá de aptidão, disciplina e responsabilidade, além do cumprimento mínimo de 1/6 (um sexto) da pena", informa o Artigo 37.
Porém, a defesa dos condenados no processo do mensalão alega que o Artigo 35 do Código Penal não exige que o condenado a regime inicial semiaberto cumpra um sexto da pena para ter direito ao trabalho externo.
Desde 1999, após uma decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ), os juízes das varas de Execução Penal passaram a autorizar o trabalho externo ainda que os presos não cumpram o tempo mínimo de um sexto da pena para ter direito ao benefício. De acordo com a decisão, presentes os requisitos subjetivos, como disciplina e responsabilidade, o pedido de trabalho externo não pode ser rejeitado. No entanto, Joaquim Barbosa afirma que o entendimento do STJ não vale para condenações em regime inicial semiaberto. Para justificar a aplicação integral do Artigo 37, Barbosa cita decisões semelhantes aprovadas em 1995 e em 2006, no plenário da Corte.
A controvérsia será resolvida somente quando o plenário da Corte julgar o recurso impetrado pela defesa dos condenados. A data do julgamento depende da liberação do voto de Barbosa.

FONTE: JC ONLINE

Armando Monteiro e Jorge Côrte Real recebem título de cidadão de Vitória


  Mais de 500 pessoas prestigiaram, na noite desta quinta-feira (22), a entrega dos títulos de cidadão de Vitória de Santo Antão ao senador Armando Monteiro (PTB) e ao deputado federal Jorge Côrte Real (PTB). Proposto pelo presidente da Câmara de vereadores do município, Edmo Neves (PMN), a entrega da honraria foi aprovada por unanimidade.

Realizada no clube O Leão de Vitória de Santo Antão, a solenidade contou com a participação dos deputados federais João Paulo (PT) e Silvio Costa (PTB), além de representantes de entidades sociais do município, a exemplo do conselho tutelar e dos bombeiros civis, membros da associação comercial e associações de bairro, de taxistas e de professores.

O deputado federal Jorge Côrte Real lembrou da necessidade de fortalecimento do polo industrial de Vitória de Santo Antão, com a atração de novos empreendimentos. Para isto, frisou que é preciso também investir na capacitação das pessoas e em uma infraestrutura eficiente.

Ao agradecer o título, o senador Armando Monteiro falou da importância de Vitória de Santo Antão na geografia econômica de Pernambuco. "Vitória é o terceiro maior município em população do interior do Estado e é um belo exemplo do potencial de desenvolvimento que a Zona da Mata Sul é capaz de experimentar", afirmou, lembrando que o município resistiu ao processo de esvaziamento econômico da região.

Armando ressaltou que a cidade se transformou em um grande polo de desenvolvimento industrial e que sempre teve teve um comércio vigoroso em vários segmentos, além do destaque na agricultura. "Vitória e um belo exemplo de que é possível fazer uma reconversão econômica neste espaço, que tem sido tão deprimido, que é a Zona da Mata de Pernambuco", pontuou.

Para Armando, o desafio do município é que os empregos gerados por seu desenvolvimento econômico sejam ocupados pela população local. "Os filhos de Vitória de Santo Antão devem ter acesso aos melhores empregos gerados aqui. Nós queremos os melhores empregos para os filhos de Vitoria e para todos os pernambucanos", finalizou.

Além do presidente da Câmara, Edmo Neves, participaram da cerimônia os vereadores Edimar José Gomes (PMN), Antonio Gabriel (PROS), Novo da Banca (PSD), Geraldo Filho (SDD), Edvaldo Bione (PROS), Alessandro Amancio (PROS) e João Dias (PR).

Crédito da foto: Leo Caldas/Divulgação

Armando rechaça falta de experiência de Paulo Câmara

















Para não interromper os avanços que Pernambuco conquistou nos últimos anos, o próximo governador, na opinião do senador Armando Monteiro Neto (PTB), tem pela frente o desafio de manter a independência, mas principalmente saber “manter o diálogo e a parceria que deram certo até aqui”. Esta é a mensagem essencial de um dos quatro filmes que o Partido Trabalhista Brasileiro voltou a veicular em horário nobre em todos os canais de televisão e rádio do estado.

“Pernambuco sempre valorizou governadores com experiência política, comando, capacidade administrativa, firmeza e voz. Por isso, para não interromper os avanços que já conquistamos, a gente precisa de um governo que tenha independência e que, sobretudo, saiba manter o diálogo e a parceria que deram certo até aqui”, explica Armando Monteiro, pré-candidato ao Governo de Pernambuco, em referência à falta de experiência política do candidato governista Paulo Câmara (PSB) .

Em outro filme, Armando ressalta o sucesso da parceria firmada entre os governos do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e da presidente Dilma Rousseff (PT) com a gestão do ex-governador Eduardo Campos (PSB), mas lembra que, agora, a população sabe que pode e precisa ir “muito mais longe”. “Olha gente, com Lula, Dilma e Eduardo, chegamos até aqui. Mas agora podemos ir muito mais longe”.

Os outros comerciais tratam da falta de apoio às micro e pequenas empresas e do projeto de autoria do petebista que permite a aposentadoria das donas de casa por meio do INSS.

FONTE: BLOG DO MAGNO MARTINS

quinta-feira, 22 de maio de 2014

Deputado hostiliza Xuxa

O deputado Pastor Eurico hostilizou Xuxa durante a votação. / Foto: Hélia Scheppa/JC Imagem

O deputado Pastor Eurico hostilizou Xuxa durante a votação.

Foto: Hélia Scheppa/JC Imagem

A sessão da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara foi marcada na manhã desta quarta-feira (21) por bate-boca entre parlamentares, sendo que o deputado federal Pastor Eurico (PSB-PE) chegou a hostilizar e constranger a apresentadora Xuxa Meneghel, que realizava agenda na Casa.
A reunião foi tumultuada do início ao fim porque os deputados discutiam a redação final da chamada "Lei da Palmada", que altera o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) e proíbe a aplicação de castigos físicos a crianças e adolescentes. A bancada evangélica é ferrenha opositora da matéria - que aguarda votação no colegiado há dois anos - e tentava evitar que ela fosse concluída. 
Quando Xuxa chegou para acompanhar a sessão, ao lado da ministra dos Diretos Humanos, Ideli Salvatti, o clima tenso na reunião já havia provocado interrupção dos trabalhos. Quando evangélicos cobravam o presidente em exercício, Luiz Couto (PT-PE), a encerrar a sessão, o deputado Pastor Eurico hostilizou a apresentadora e disse que sua presença era "um desrespeito às famílias do Brasil". "A conhecida Rainha dos Baixinhos, que no ano de 82 provocou a maior violência contra as crianças", disse, referindo-se ao filme "Amor Estranho Amor", daquele ano, em que Xuxa aparece numa cena de sexo com um adolescente de 12 anos.
A declaração do Pastor Eurico gerou repúdio da maior parte dos deputados presentes, inclusive de parlamentares que questionavam o projeto, que classificaram a fala de "violência inaceitável". A apresentadora não se manifestou e, depois de encerrada a sessão, deixou a comissão sem comentar o assunto.
A fala, no entanto, ajudou a conturbar ainda mais a sessão, que acabou sem que o projeto fosse votado. Avisado da situação, o presidente da Câmara, deputado Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), foi ao colegiado e tentou intermediar um acordo: a CCJ deverá se reunir novamente nesta tarde para tentar aprovar o projeto. Como tramita em caráter conclusivo e já foi aprovada por uma Comissão Especial, a chamada "Lei da Palmada" seguirá diretamente para o Senado quando aprovada pela CCJ. 
LEI DA PALMADA - O projeto em discussão veda o "uso de castigo físico ou de tratamento cruel ou degradante como formas de correção, disciplina, educação ou qualquer outro pretexto". O texto também diz que o Conselho Tutelar, "sem prejuízo de outras providências legais", deverá aplicar as seguintes medidas aos pais ou responsáveis que aplicarem castigos físicos a menores: "encaminhamento a programa oficial ou comunitário de proteção à família, encaminhamento a tratamento psicológico ou psiquiátrico encaminhamento a cursos ou programas de orientação, advertência ou obrigação de encaminhar a criança a tratamento especializado". Também diz que profissionais da saúde e da assistência social ou outra função pública devem informar casos de suspeita de castigo físico à autoridade competente.
A medida sofre forte resistência sobretudo da bancada evangélica que tentou obstruir a votação nesta manhã e que queria trocar expressões utilizadas na redação. Durante boa parte do ano passado, parlamentares que se opõem à matéria conseguiram retirar o projeto da pauta do colegiado por sucessivas vezes. "As denúncias que se trazem para convencer são de crime com tipificação no Código Penal. O Estado não consegue aplicar a política de combate ao crime e querem impor o rótulo (de violência) na família", disse o deputado Marcos Rogério (PDT-RO). 
Por outro lado, o relator da proposta, deputado Alessandro Molon (PT-RJ), afirmou que o objetivo é proteger as crianças e adolescentes contra graves tipos de violência. "O que quer se combater é o espancamento e a humilhação de crianças e adolescentes", declarou. "Não posso acreditar que algum parlamentar acredite que a tortura é educativa."

FONTE: JC ONLINE

Presença de Xuxa provoca mudança na composição do CCJ

 / Foto: ABr

Foto: ABr

A tumultuada reunião da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara (CCJ), na manhã desta quarta-feira (21), destinada à votação do projeto conhecido como a Lei da Palmada já provocou a primeira mudança na composição da CCJ. O PSB substituiu o deputado Pastor Eurico (PE) pelo deputado Júlio Delgado (PSB-MG), em função da postura adotada pelo pernambucano em relação à apresentadora Xuxa Meneghel, que estava na comissão para apoiar a votação da proposta.
O líder do PSB, deputado Beto Albuquerque (RS), avaliou que Eurico se pronunciou de forma “intolerante, desrespeitosa e desnecessariamente agressiva em relação à Sra. Xuxa Meneghel, presente à reunião na condição de convidada”. Durante a discussão na CCJ, o deputado disse que “a conhecida rainha dos baixinhos, em 1982, provocou a maior violência contra as crianças em um filme pornô”.
Em nota à imprensa, Beto Albuquerque afirma que a conduta do deputado Pastor Eurico não representa o pensamento do conjunto do PSB. “Manifestamos nosso apreço e respeito pelo empenho da referida artista, que deseja aprovar a lei que propõe a cultura da não agressão”, disse, acrescentando que a história profissional da apresentadora “muito contribui para a instituição das políticas públicas em defesa das crianças e dos adolescentes”.
Os trabalhos foram suspensos em função dos tumultos e das discussões em torno da proposta, que altera o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) e proíbe a aplicação de castigos físicos a crianças e adolescentes. A CCJ volta a se reunir às 18 horas, para continuar as discussões em torno da votação da lei.

FONTE: JC OLINE

Lei da Palmada é aprovada na CCJ da Câmara



Agência Estado

Após dois anos de tramitação na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados, foi aprovado na noite desta quarta-feira, 21, no colegiado, o projeto de lei que altera o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) e proíbe a aplicação de castigos físicos a crianças e adolescentes.


Chamada até então de Lei da Palmada, o projeto seguirá para o Senado com o nome de Lei "menino Bernardo", em homenagem ao garoto Bernardo Boldrini, assassinado no Rio Grande do Sul. Passado o debate acalorado da sessão promovida pela manhã e a presença da apresentadora Xuxa Meneghel, a bancada evangélica - que vinha obstruindo a votação do projeto nos últimos anos - cedeu e houve um acordo para a alteração do texto final.

O relator Alessandro Molon (PT-RJ) acrescentou apenas à definição de castigo a expressão "que resulte em sofrimento físico ou lesão" à criança ou ao adolescente. "Não queremos que as crianças sejam espancadas e tratadas de forma humilhante, seja com castigo físico ou não", disse o relator.

O entrave era a bancada evangélica, que temia a "interferência" da legislação na educação familiar. O relator enfatizou que a proposta não prevê sanções aos pais por usar métodos punitivos na educação dos filhos, apenas encaminhamento dos pais denunciados ao Conselho Tutelar para orientação e, no máximo, advertência.

Na avaliação do petista, a presença de Xuxa pela manhã foi decisiva para a aprovação do texto. O caso Bernardo Boldrini também ajudou a sensibilizar os parlamentares, por isso o nome da lei foi alterado. Os deputados fizeram questão de retirar da lei o sobrenome do pai do garoto. "Não seria possível, exatamente numa lei que seria para evitar casos como esse, incluir o sobrenome de quem eventualmente tenha participado dessa tragédia", justificou o relator.

FONTE: JC ONLINE

quarta-feira, 21 de maio de 2014

Contas da Prefeitura de Limoeiro exercício de 2009 são aprovadas pela Câmara

Ricardo Teobaldo era o prefeito de Limoeiro em 2009
Em reunião realizada na tarde desta terça (20), na Câmara Municipal de Limoeiro, foram aprovadas as contas da Prefeitura de Limoeiro, exercício de 2009. Foram 12 votos a 1, sendo o voto de Zé Nilton, do Solidariedade, o único voto contrário. O TCE recomendou a aprovação das contas sem ressalvas.

Para justificar seu voto, o vereador Zé Nilton disse que respeita a solicitação do TCE, mas discordava, viu muito absurdo, como por exemplo, as irregularidades apontadas pelo relatório recente do CGU. "Sem mágoa e consciente, eu voto pela rejeição. Se for pra errar, prefiro errar com o povo". Foram as palavras de Zé Nilton na Tribuna. Curiosamente, em 2009, Zé Nilton era aliado do então prefeito Ricardo Teobaldo (PTB), entretanto, ele desligou-se do grupo político em 2013, passando a lhe fazer uma ferrenha oposição, o que tudo indica que vai continuar agora no governo de Thiago Cavalcanti (PROS).

José Humberto rebate Sileno Guedes

O secretário-Geral do PTB Pernambuco, José Humberto rebateu declarações de Sileno Guedes, que tem feito críticas à campanha de Armando Monteiro Neto (PTB), através de seu partido, o PSB. Em nota, o petebista classifica Sileno como alguém que "vive a dificuldade de conseguir explicar uma fragilidade que o povo de Pernambuco já percebeu, ao tentar impor junto com seu grupo um nome sem qualquer representatividade".

Segue a nota:
Sileno tem produzido sempre nano-avaliações sobre o processo político-eleitoral, que são próprias dos chamados tarefeiros de baixa patente.
Essas declarações deselegantes e irritadiças de Sileno traduzem a grande preocupação que existe hoje nas hostes socialistas pelo forte crescimento da candidatura do senador Armando Monteiro, evidenciada em todas as pesquisas e constatada em todas as regiões do Estado.
A trajetória de respeitabilidade, competência e liderança do senador Armando Monteiro é reconhecida em Pernambuco e no Brasil – e também pelo PSB pernambucano até a eleição de 2010.
Sileno vive a dificuldade de conseguir explicar uma fragilidade que o povo de Pernambuco já percebeu. A de tentar impor, junto com o seu grupo, aí, sim, como verdadeiros patrões políticos, um nome sem qualquer representatividade na sociedade, além daquela que deriva das circunstâncias de subordinação e parentesco, como o de Paulo Câmara.

terça-feira, 20 de maio de 2014

Daniel Coelho ainda não admite rompimento com o PSB

 / Foto: Guga Matos/JC Imagem

Foto: Guga Matos/JC Imagem

Maior expressão do PSDB estadual, desde a morte do líder Sérgio Guerra, em março, e nome cotado para a disputa ao governo do Estado – caso se confirme o rompimento do acordo nacional pelo PSB –, o deputado Daniel Coelho admitiu, ontem, que “tudo indica” que os socialistas vão seguir o caminho da ruptura. Pelo pacto firmado entre Aécio Neves e Eduardo Campos, em 2013, o PSB apoiaria o candidato tucano em Minas Gerais e os tucanos de Pernambuco apoiariam o candidato socialista, no caso, Paulo Câmara. Daniel, todavia, revelou não saber “se necessariamente será preciso romper aqui”, uma vez que tem que se considerar o 2º turno nacional, se ocorrer.
A lógica tucana é de que em um 2º turno, Aécio Neves vai precisar do apoio de Eduardo e do PSB na disputa com Dilma Rousseff (PT). “O PSDB dava como certo o acordo com o PSB. Não aconteceu. Há outro cenário, mas nossa prioridade é a eleição de Aécio e a decisão local tem que considerar esse contexto”, ponderou.
Daniel evitou polemizar com o DEM local, minimizando a ausência do partido em eventual chapa tucana, ao optar pela continuidade na aliança do PSB. “Cada partido que faça as suas alianças”, resumiu Daniel, revelando indiferença. O deputado corrigiu, em seguida, a posição. Potencial nome em palanque majoritário de apoio a Aécio e de retaliação a Eduardo Campos pelo rompimento, valorizou o apoio do DEM. “Não é indiferença. Em eleição, é claro que se quer apoio. É que tudo é hipótese, não há nem pré-candidatura do PSDB colocada. Hoje, o PSDB está na aliança do PSB”.

FONTE: JC ONLINE

Cohab se prepara para o São João

Na noite dessa segunda-feira (19), os moradores da Cohab Nova e da Cohab Velha se reuniram na residência do Professor Marcos Sérgio, no objetivo de traças planos para o São João da Cohab.

Na reunião, ficou decidido que os homenageados do São João serão João Diógenes e Zé de Teté. Além do mais, a Rua 12 terá duas palhoças, uma em frente ao Bar do Giva e outra em frente ao Bar do Charles.

A programação começa no dia 22 de junho, segue nos dias 23 e 24, sempre começando por volta de 3 horas da tarde. No dia 23, em especial, é dia de jogo do Brasil. Depois, dá uma leve paradinha e volta nos dias 28 e 29 de junho, quando será encerrado o ciclo junino da Cohab, que promete ser bem animado com muito forró e arrasta-pé.

segunda-feira, 19 de maio de 2014

Eduardo rompe com Aécio em Minas, e Daniel pode disputar eleição majoritária em Pernambuco

 








Eduardo Campos informou a correligionários que o PSB vai mesmo lançar um candidato próprio ao governo de Minas Gerais. Com isso, ele romperá acordo que firmara num encontro em sua casa,no Recife, com o presidenciável tucano Aécio Neves. Eles haviam combinado que um apoiaria o candidato do outro nos seus respectivos Estados.
Eduardo está ciente de que, em retaliação, o PSDB pode anunciar a candidatura do deputado estadual Daniel Coelho ao governo de Pernambuco. Chegou mesmo a encomendar uma pesquisa para aferir os danos. Verificou que, hoje, Daniel roubaria mais votos de Armando Monteiro (PTB) do que do seu candidato, Paulo Câmara (PSB).
O resultado pode ser enganoso. Paulo Câmara ainda é desconhecido do eleitorado. Armando, um senador, e Daniel, recém-saído de uma disputa municipal em que pulou da condição de azarão para um surpreendente segundo lugar em Recife, são ultraconhecidos. Nesse contexto, Câmara não poderia perder eleitores que ainda nem o conhecem.
Egresso do PV, Daniel é cristão novo no PSDB. Hoje, está integralmente dedicado à sua pré-campanha de deputado federal. Mas avisou aos correligionários que não hesitará em disputar o governo de Pernambuco se Aécio pedir. Ele se declara “100% engajado no projeto nacional de Aécio.”
Operadores de Eduardo Campos dizem que, em nome do projeto nacional, vale a pena correr o risco. Alegam que uma candidatura própria dará a Campos uma visibilidade que ele não teria em Minas se o PSB continuar vinculado ao palanque tucano de Pimenta da Veiga, 100% dedicado ao projeto presidencial de Aécio.
De resto, o PSB trabalha com a hipótese de que o PSDB não cumpra a ameaça de lançar um candidato em Pernambuco. Mantendo-se na coligação de Paulo Câmara, o tucanato pernambucano tem a perspectiva de eleger três deputados federais, entre eles Daniel Coelho. Rompendo, pode não eleger ninguém.

FONTE: BLOG DO MAGNO MARTINS

"Pernambuco 14 dá legitimidade às nossas propostas"


"Pernambuco 14 dá legitimidade às nossas propostas"
Armando e João Paulo comemoram sucesso do projeto no agreste de Pernambuco


A passagem do Pernambuco 14 pelo agreste do Estado neste fim de semana provocou mais uma ampla mobilização popular, reunindo ao total quase 3 mil pessoas nas plenárias de Caruaru, no sábado (17), e Surubim, no domingo (18). Com estes dois eventos, chega a sete o número de edições realizadas até o momento pelo projeto, liderado pelo pré-candidato ao governo de Pernambuco, senador Armando Monteiro, e pelo pré-candidato ao Senado, deputado federal João Paulo (PT).

Animado com a participação da população, que ao longo dos eventos apresentaram propostas e ideias para o plano de governo, Armando Monteiro destaca que é fundamental dialogar com todos os segmentos da sociedade de Pernambuco. Ele fala sobre a importância do projeto:

"Todos eles (os encontros) foram muito expressivos. Um grande público, com uma participação muito entusiasmada e animada. Eu destacaria a qualidade do conteúdo, das discussões em cada uma das salas temáticas e, ao final, as propostas e sugestões encaminhadas. Portanto, o objetivo maior de todo o planejamento destes encontros está sendo amplamente alcançado, que é o de podermos estimular a participação, ouvir a sociedade em cada uma das regiões e poder legitimar um programa de governo que vamos apresentar a Pernambuco".

Em Caruaru e Surubim, Armando voltou a defender uma atenção maior ao interior do Estado, lembrando ainda a necessidade de se avançar em áreas como educação, saúde e segurança.

Veja abaixo alguns trechos do discurso de Armando:

Educação
“Queremos ampliar as nossas conquistas. Queremos fazer um desenvolvimento de melhor qualidade. Crescimento econômico não é verdadeiramente desenvolvimento, desenvolvimento pressupõe uma mudança estrutural. Quem tem a educação no ponto que Pernambuco tem hoje não pode dizer que fez uma mudança estrutural. Precisamos melhorar a educação."

Saúde
"Precisamos melhorar e humanizar a saúde, oferecer serviços de melhor qualidade. Vamos colocar o profissional mais perto do povo, garantir a sua presença para que ele possa fazer o atendimento primário, dar atenção na consulta, tocar nas pessoas, valorizá-las. A saúde pode ter prédios, novos hospitais, UPA's, mas precisamos fazer um pacto, um esforço, para melhorar a qualidade dos serviços, para investir nos hospitais regionais, porque tem pernambucanos lá do Araripe que se tiverem de fazer um eletrocardiograma têm que vir para Caruaru ou para o Recife. Então é preciso qualificar, equipar, os hospitais regionais, para que a saúde possa chegar da melhor forma a todos os pernambucanos".

Segurança
"Quando olhamos a segurança, há a experiência do Pacto pela Vida, que é bem sucedida, mas nós ainda vivemos um ambiente de insegurança em muitas regiões de Pernambuco. Precisamos aumentar os efetivos. Precisamos motivar os profissionais da segurança, precisamos investir na polícia técnica".

Infraestrutura
"Na infraestrutura vamos precisar muito de manter uma parceria com o governo federal. Quando falamos em trazer a BR-408 de Carpina para Surubim, nós só vamos poder fazer isto se tivermos o apoio do Governo Federal".

Crédito da foto: Alexandre Albuquerque/Divulgação

Tirulipa fará show em Limoeiro

No próximo dia 03 de junho, Limoeiro receberá o show de humor de Tirulipa, que promete matar muita gente de rir. O TIRULIPA SHOW será realizado na AABB de Limoeiro. O filho do deputado federal Tiririca já passou por diversas emissoras, como Globo, Band e Record. A realização do show está com o início previsto para as 20 horas. Os "abestados de plantão" já comecem a se preparar para dar boas gargalhadas.

Diminui número de simpatizantes do PSDB

Parcela de apoiadores do PSDB chega a apenas 5% Ed Ferreira/Estadão Conteúdo
O número de simpatizantes do PSDB está em um processo de encolhimento contínuo desde 1995. Na época, quando o Plano Real tinha apenas um ano e a inflação sob controle ainda era uma novidade, 14% dos brasileiros manifestavam preferência pela legenda. Em 2002, essa parcela era de 9%, e, atualmente, chega a apenas 5%.
Campanha fora do período oficial pode ajudar eleitor a escolher candidato
Nesse processo, os simpatizantes tucanos também ficaram menos concentrados na Região Sudeste. Hoje, metade dos admiradores do PSDB está na região mais rica do País – há duas décadas, eram nada menos que 69%.
Em termos de escolaridade, o eleitorado tucano se elitizou: 27% têm curso superior, e 21% até quatro anos de ensino. Em 1995, a proporção era de 13% e 34%, respectivamente.

FONTE: R7

Protesto fecha a BR 408, em Paudalho

Leitores informam que os manifestantes exigem a instalação de uma passarela no local. Foto: Reprodução/ WhatsApp
Leitores informam que os manifestantes exigem a instalação de uma passarela no local. Foto: Reprodução/ WhatsApp
Os motoristas que seguem pela BR-408, na manhã desta segunda-feira, enfrentam problemas. Um protesto fecha o tráfego da rodovia federal na altura do município de Paudalho, no sentido interior-capital.

Pelo WhatsApp do Diario de Pernambuco, leitores informam que o ato teve início depois que uma mulher foi atropelada por um veículo na ridovia.O acidente teria acontecido esta manhã. Os manifestantes exigem a instalação de uma passarela no local. Imagens do local também foram enviadas pela rede social.

Uma viatura da Polícia Rodoviária Federal (PRF) foi ao local. O balanço da PRF deste domingo somou 15 acidentes, envolvendo 26 veículos, com nove feridos e nove mortos.

FONTE: DIÁRIO DE PERNAMBUCO

Anunciado calçamento em ruas do Bairro do Juá

Na noite de sexta-feira (16), o prefeito Thiago Cavalcanti (PROS), esteve no bairro do Juá, Portal Limoeiro, para dar uma excelente notícia à população: a assinatura da ordem de serviço para o calçamento de diversas ruas do local. Estiveram presentes no evento o ex-prefeito Ricardo Teobaldo, que falou de sua parceria com os senadores Armando Monteiro Neto e Humberto Costa, do ex-deputado estadual José Humberto, além dos vereadores Luiz do Matadouro, Zélia de Ribeiro do Mel e Zé de Nena. O responsável pelas obras será o empresário Eduardo Santiago.

Thiago fez questão de avisar aos moradores "que eles passarão por alguns transtornos, normais de qualquer obra, mas que o que vier depois, serão benefícios que ficarão pra sempre." A previsão de início é para esta segunda-feira (19).

Os moradores ficaram muito felizes com a notícia, afinal, já são anos de espera por essas melhorias. A expectativa agora é para o início e a conclusão de obra, que tem previsão para oito meses.








sexta-feira, 16 de maio de 2014

Chega ao fim a Greve da PM e Bombeiros

Exército foi acionado para tentar conter a segurança / Foto: Sérgio Bernardo/JC Imagem

Exército foi acionado para tentar conter a segurança

Foto: Sérgio Bernardo/JC Imagem

A greve dos bombeiros e policiais militares em Pernambuco, iniciada na última segunda-feira, chegou ao fim na noite desta quinta-feira e deixou estragos. Foram dias de tensão, saques, assaltos, arrastões, prisões, mortes e boatos espalhados pelas redes sociais. A cidade parou. Para tentar conter os tumultos e garantir a segurança da população, o Governo do Estado pediu apoio das tropas federais e integrantes da Força Nacional de Segurança e do Exército, que desembarcaram no Recife no início da manhã.

FONTE: JC ONLINE

quinta-feira, 15 de maio de 2014

Força Nacional de Segurança já está nas ruas do Grande Recife

 / Foto: Guga Matos/ JC Imagem

Foto: Guga Matos/ JC Imagem

Atualizada às 12h37
Os carros da Força Nacional de Segurança do Exército já estão nas ruas. Os veículos deixaram o quartel do Curado, na BR-232, em Jaboatão do Guararapes, por volta das 10h30 desta quinta-feira (15) e seguem pela BR-101. A direção tomada pelos agentes ainda não foi informada. Às 12h30, um segundo grupo de agentes da Força Nacional chegou ao Aeroporto Internacional dos Guararapes.
Os agentes chegaram ao Recife por volta das 4h de hoje para atuar na segurança do Estado por causa da greve dos militares. A quantidade de homens não foi divulgada por motivo de segurança, mas sabe-se que o primeiro grupo veio de Alagoas e deverá atuar em parceria com o Exército local e policiais da Companhia Independente de Operações e Sobrevivência (Ciosac), que veio de Custódia.
Um clima de inseguraça está tomando conta da Região Metropolitana do Recife (RMR) desde a noite da última quarta-feira (15) quando os Policiais Militares (PM) decidiram manter a paralisação. Ainda ontem várias lojas foram saqueadas em Abreu e Lima e hoje o clima de tensão se alastrou pelo grande Recife. Vários estabelecimentos baixaram as portas nesta manhã. 
Devido a greve, o Governador de Pernambuco, João Lyra Neto, solicitou o reforço da Força Nacional de Segurança do Exército ontem à noite. Sem informar a quantidade de agentes, ele garantiu que as tropas conseguiriam controlar o caos. "Será o suficiente para manter a ordem em Pernambuco", disse o socialista.

FONTE: JC ONLINE

Thiago e José Humberto se reúnem com o diretor do SENAI

Empenhado na geração de empregos para o município de Limoeiro, o ex-deputado José Humberto Cavalcanti (PTB) e o prefeito Thiago Cavalcanti (PROS), se reuniram na tarde desta quarta-feira (14) com o diretor regional do SENAI, Sérgio Gaudêncio, para promover a oferta de cursos profissionalizantes que atendam as demandas geradas pelas indústrias que estão se instalando na cidade.

Estiveram presentes na reunião o secretário municipal de Turismo, André Quirino, o vereador Beto de Washington e o empresário Sílvio Milet, da indústria de sorvetes Milet, que relatou na ocasião que 95% dos funcionários empregados na sua empresa em limoeiro são do próprio município. Milet ressaltou a José Humberto a importância dessa capacitação para os limoeirenses, o que facilitaria a contratação de mais funcionários para a empresa e fortaleceria o desenvolvimento econômico e comercial da região.

José Humberto Cavalcanti acredita que o SENAI agora chegará com mais intensidade à população e lembra que essa parceria já tem promovido alguns cursos profissionalizantes na área de elétrica e mecânica. “O diretor do SENAI, Sérgio Gaudêncio, se propõe a enviar técnicos para identificar as demandas e promover os cursos necessários para a qualificação da população de Limoeiro. Dessa forma, os limoeirenses podem ocupar os postos de trabalhos gerados a partir das indústrias que já estão instaladas e que se instalarão em breve”, afirma.

Ainda segundo José Humberto, o senador Armando Monteiro, que já teve a honra de presidir a FIEPE por 10 anos e foi por oito anos presidente da CNI, tem um histórico de empenho na geração de empregos, qualificação profissional e promoção do ser humano de uma forma geral. Como presidente do Conselho Nacional do Sesi, Armando pôde beneficiar limoeiro, quando a nível nacional, elaborou expandiu e a oferta de cursos profissionalizantes em todo o país.


Assessoria de comunicação

Colaboração: Mariana Silveira
Imagens: Wellington Ribeiro

Prefeito Thiago Cavalcanti decreta ponto facultativo nessa sexta-feira em Limoeiro


Em apoio a Lei 15.238 promulgada em 27/03/2014 que reconhece esse dia no estado de Pernambuco como dia do Gari.
O prefeito Tiago Cavalcanti resolve festejar essa data com ponto facultativo para toda classe dos Garis de Limoeiro.
Esse reconhecimento aos Garis, nunca antes acontecido no Norte, Nordeste e Centro-Oeste brasileiro se dá pelo fato de um limoeirense, homem simples que como Deputado Estadual resolveu reconhecer a classe dos trabalhadores, “GARIS”, pelo grandioso serviço prestado a toda sociedade brasileira. Foi aí, que o então Deputado José Humberto Cavalcanti, ZÉ HUMBERTO, lutou e defendeu até que em março desse ano foi promulgada a “Lei Zé Humberto” ou Lei dos Garis.
O mais interessante é que no Brasil apenas o estado da Guanabara reconheceu os Garis, isso por Lei em 1964. Ou seja, 50 (cinquenta) anos passados, na época pelo governador Carlos Lacerda.
Hoje um homem do povo depois de ouvir os apelos dos Garis na cidade de Feira Nova durante inauguração do SINDIGAR-FN, prometeu lutar pelo reconhecimento da classe e agora todos os Garis de Pernambuco podem juntos comemorar o seu dia através da Lei 15.238............. Lei Zé Humberto!

Fonte: A Voz do Agreste 

Ameaça de arrastão faz comércio de Limoeiro fechar as portas mais cedo

O comércio de Limoeiro, nesse momento, encontra-se de portas fechadas, devido a um boato de um  arrastão que pode chegar até aqui. Segundo informações, já houveram saques nas vizinhas cidades de Carpina e Vitória de Santo Antão. O blog LIMOEIRO NEWS vai acompanhar mais o assunto.

Tudo isso está acontecendo por ocasião da Greve da PM em Pernambuco. Ontem, a cidade de Abreu e Lima foi alvo de diversos saques que repercutiram até mesmo nacionalmente.

Força Nacional de Segurança começa a atuar nesta quinta-feira


Agentes da Força Nacional de Segurança do Exército desembarcaram no Recife por volta das 4h desta quinta-feira (15) para atuar na proteção do Estado por ocasião da ausência dos policiais militares, que estão em greve desde a terça-feira (13). A quantidade de homens não foi divulgada por motivo de segurança, mas sabe-se que o primeiro grupo veio de Alagoas e deverá atuar em parceria com o Exército local e policiais da Companhia Independente de Operações e Sobrevivência (Ciosac), que veio de Custódia. A expectativa é de que as Forças Armadas comecem a agir às 10h.
Todos os militares que foram acionados estão reunidos no Cemep, na BR-232, no bairro do Curado, em Jaboatão dos Guararapes, decidindo o plano de ação. Além do grupo desta manhã, o Governo de Pernambuco aguarda uma segunda leva de agentes da Força Nacional de Segurança que devem chegar ainda no início da tarde.
O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, virá ao Recife acompanhado de um general que foi designado para comandar a atuação do Exército na capital pernambucana. O ministro terá reunião com o governador João Lyra Neto.

FONTE: JC ONLINE


Após clima de guerra e saques, Abreu e Lima decreta ponto facultativo

 / Foto: Hélia Scheppa/JC Imagem

Foto: Hélia Scheppa/JC Imagem

Após o clima de guerra e a grande quantidade de saques em lojas de Abreu e Lima, no Grande Recife, a prefeitura da cidade, temendo novos roubos no município, decretou ponto facultativo para todos os trabalhadores. Moradores da cidade estão com medo de roubos também a residências. Na noite de quarta-feira (14), Abreu e Lima viu cenas de vandalismo, com várias lojas sendo arrombadas e saqueadas. Com a Polícia Militar em greve, ficou mais fácil para os vândalos tocarem o terror.
Novos saques foram feitos na manhã desta quinta (15). Sem se intimidar, vândalos invadiram dois supermercados de Caetés III e roubaram vários produtos. Os saques são feitos por homens, mulheres, crianças e idosos. A situação está de um jeito que a população que realiza os saques, ao ver a reportagem do JC, passou a jogar produtos como frutas e verduras na equipe.
A Polícia Rodoviária Federal (PRF) foi acionada, mas com o efetivo pequeno, não teve como conter os roubos. Mesmo assim, quatro pessoas - sendo dois homens e duas mulheres - foram presas e autuadas em flagrante por furto qualificado e tipificação penal de saque, sendo levados para o Centro de Triagem (Cotel), em Abreu e Lima, Colônia Penal Feminina, também de Abreu e Lima.
Otras sete pessoas foram levadas para a Delegacia de plantão de Paulista e vão responder a um termo circunstanciado de ocorrência (TCO) por perturbação do sossego.
O saldo em Abreu e Lima é de cidade arrasada. Todas as lojas do centro comercial estão fechadas. A grande maioria contabiliza os prejuízos causados pelos saques. "Perdemos tudo. Não tínhamos segurança e eles entraram arrombando a porta, para levar tudo. Não tivemos o que fazer", lamenta o gerente de uma loja de calçados.

FONTE: JC ONLINE

TJPE decreta ilegalidade da Greve da PM



Do JC Online

 / Foto: Hélia Scheppa/JC Imagem

Foto: Hélia Scheppa/JC Imagem

O presidente do Tribunal de Justiça de Pernambuco, desembargador Frederico Neves, decretou, no final da noite de quarta-feira (14), a ilegalidade da greve dos policiais militares de Pernambuco. A ordem é que os PMS voltem imediatamente aos seus postos, sob pena de multa diária de R$ 100 mil.
Como a decisão foi tomada no final da noite de quarta, a intenção do TJPE é notificar as entidades que representam os PMS na manhã desta quinta. Os policiais tinham marcado uma nova assembleia, às 10h, na frente do Palácio do Campo das Princesas. Com a decisão da ilegalidade da greve, não se sabe se eles vão realizar a reunião.
Na quarta, após governo e grevistas não chegarem a um acordo, o governador João Lyra pediu o auxílio da Força Nacional de Segurança Por volta das 4h desta quinta, os primeiros policiais começaram a chegar na cidade. O primeiro grupo chegou de Alagoas e foi direto para um quartel na BR-232, onde seria instruído. Nâo foi informado para a imprensa quais os pontos da cidade onde esses policiais da Força Nacional vão trabalhar.
O governo do Estado alega que não pode dar o aumento pedido pelos policiais militares por conta da lei eleitoral, que proibe reajustes em anos de eleição. Prometeu voltar ao assunto em janeiro, fato que não foi aceito pelos policiais.

FONTE: JC ONLINE

quarta-feira, 14 de maio de 2014

Aécio critica comercial do PT


O presidente nacional do PSDB e provável candidato ao Palácio do Planalto, senador Aécio Neves (MG), criticou a veiculação dos comerciais do PT que alerta o eleitor para os riscos de "voltar atrás".
"É triste ver um partido que não se envergonha de assustar e ameaçar a população para tentar se manter no poder. Esse comercial é o retrato do que o PT se transformou e o espelho do fracasso de um governo que, após 12 anos de mandato, só tem a oferecer medo e insegurança porque perdeu a capacidade de gerar confiança e esperança. Os brasileiros não merecem isso. É um ato de um governo que vive seus estertores”, afirmou por meio de nota o tucano.
A peça divulgada na noite de hoje, de 1 minuto e 1 segundo, mostra os mesmos atores em uma situação confortável e em uma situação de miséria. "Quando a gente dá um passo para frente na vida, precisa saber preservar o que conquistou. Não podemos deixar que os fantasmas do passado voltem e levem tudo o que conseguimos com tanto esforço. Nosso emprego de hoje não pode voltar a ser o desemprego de ontem. Não podemos dar ouvido a falsas promessas. O Brasil não quer voltar atrás."
O comercial petista lembra a estratégia do PSDB durante a campanha presidencial de 2002, quando o tucano José Serra era o adversário do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).
Para o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, não há cópia das estratégias. “Eu acho que o PT está seguindo seu rumo, não está copiando nada, está dialogando com a sociedade dentro daquilo que ele acha que tem de dialogar”, afirmou Cardozo que participou na noite de hoje da posse do ministro Dias Toffoli na presidência do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
“É natural que dentro de um processo de polarização política que nós vivemos. E, claro, quem não gosta de um partido, que o critique. É da vida. Segue seu rumo, dialoga com a sociedade, segue o seu caminho e, claro, como petista que sou, acho que terá um excelente desempenho nas próximas eleições”, acrescentou Cardozo.
O ministro também minimizou uma possível influência de Toffoli, que já atuou como advogado do PT, nas próximas eleições. “O ministro Toffoli é um ministro que tem mostrado credibilidade, isenção e muita competência nas suas decisões do STF. Ou seja, todos nós temos a nossa trajetória e todos nós sabemos colocar ao uso da sociedade aquilo que fazemos”.

FONTE: JC ONLINE

Em visita rápida a Pernambuco, Dilma vistoria obras no Sertão

 / Foto: Guga Matos/JC Imagem

Foto: Guga Matos/JC Imagem

A presidente Dilma Rousseff, em visita a Pernambuco na tarde desta terça-feira, visitou estação de bombeamento de água em Cabrobó, no Sertão do Estado, e outras regiões que fazem parte do Projeto de Integração do Rio São Francisco. Dilma posou para fotos com trabalhadores, mas não fez nenhum pronunciamento no local. Dilma desembarcou em Cabrobó às 15h20 e deixou Pernambuco às 15h55.

A visita foi acompanhada dos senadores Inácio Arruda (PCdoB-CE) e Vital do Rêgo (PMDB-B). O governador João Lyra Neto se encontrou com a presidente no canteiro de obras, assim como o prefeito de Petrolina Julio Lóssio e o de Cabrobó Auricélio Torres, que estava deslocado devido às criticas que tem feito recentemente ao Governo federal. O turno da tarde nas obras do trecho foram prejudicados pela visita da presidente, mas espera-se que volte ao normal ainda à noite.
O objetivo do projeto é garantir a segurança hídrica para 390 municípios no Nordeste, que sofrem com a seca frequentemente. De acordo com o Ministério da Integração, a região possui 28% da população brasileira e apenas 3% da disponibilidade de água. E o rio São Francisco apresenta 70% de toda a oferta regional.

Mais cedo, Dilma destacou que o projeto vai garantir a segurança hídrica para 12 milhões de pessoas. "Não é um obra qualquer, tem uma envergadura fundamental", afirmou. "Como a seca é recorrente essas obras são cruciais para garantir o convívio com a seca, não o combate", reforçou.

Pela manhã, Dilma esteve em São José de Piranhas, na Paraíba, para vistoriar as obras do Túnel Cuncas II. Depois, a presidente foi à Barragem de Jati, no Ceará, onde se reuniu com representantes das empresas construtoras do Projeto de Integração e fez um breve pronunciamento em homenagem aos trabalhadores. Também no Ceará, a presidente concedeu uma coletiva de imprensa, na qual minimizou os atrasos nas obras e destacou a importância do projeto para garantir segurança hídrica ao Nordeste. A presidente Dilma retorna ainda nesta terça para Brasília para participar da cerimônia de posse do ministro Dias Toffoli no cargo de presidente do Tribunal Superior Eleitoral, às 19h.

FONTE: JC ONLINE

terça-feira, 13 de maio de 2014

Petistas apontam mensagem subliminar pró-PSB-PSDB em novela da Globo


tiwtter/reprodução
Twitter/reprodução
Petistas ocupam as redes sociais a fim de chamar a atenção para o que consideram ser propaganda subliminar na logomarca da nova novela das 19h da TV Globo, “Geração Brasil”.
Para eles, a emissora dá uma força ao pré-candidato do PSB à Presidência da República, Eduardo Campos.
Isso porque, ao invés de usar o A com til (Ã) adotou o 4 que, ao lado da letra O, forma o 40, número do PSB (e de Eduardo na chapa).
A utilização de números em substituição a letras é uma “linguagem” surgida na internet e pode ser vista em cartazes, camisetas e campanhas publicitárias, cujas mensagens pretendem transmitir “modernidade” ou contemporaneidade.
De acordo com a montagem postadas pelo petistas, a lebre sobre a mensagem subliminar foi levantada pelo jornalista Luis Nassif no seu blog.
Além do 40, o logo da novela também estaria fazendo referênciao ao 45, do presidenciável tucano Aécio Neves.

FONTE: DIÁRIO DE PERNAMBUCO

Artistas são convocados a "declarar seu amor" por Limoeiro. Falta a cidade corresponder a esse amor

  A Prefeitura Municipal de Limoeiro lançou a Mostra Cultural Virtual sobre Limoeiro, onde cada artista seja de qual área for, poderá se ins...