quinta-feira, 4 de junho de 2015

Dois pesos e duas medidas?

Esse barulho todo em torno do comercial da Boticário leva-nos a fazer inúmeras reflexões, pois está se pregando um boicote ao comercial, já que neles aparecem casais homoafetivos. Trata-se de uma propaganda do Dia dos Namorados.

Primeiro de tudo, eu sou contra o boicote. Sou contra, pelo seguinte fato: se formos boicotar a Boticário, deveremos fechar nossa conta no Facebook e banir de uma vez a tecnologia em nossas vidas, afinal de contas, vários dos líderes das empresas de tecnologia e rede social apoiam a causa LGBT, abertamente. Após todo esse barulho, a Coca Cola e a Motorola também fazem propagandas com casais homoafetivos.

O pedido do boicote partiu de algumas lideranças evangélicas, que acreditam que comprar o produto estimularia a prática. Pra deixar bem claro, foram ALGUNS evangélicos, e não todos, como muitos querem fazer acreditar.

Compreendo bem a luta das pessoas que desejam a igualdade, que todos sejam tratados de formas igualitárias. Todos, independente de religião, opção sexual, raça, somos seres humanos, feitos por Deus. Mas uma pergunta que não quer calar é essa:

Muitos desses que compartilham em seu face revoltas contra os "fundamentalistas religiosos que perseguem homossexuais" não expressam a mesma revolta quanto ao fato de cristãos - católicos e evangélicos - serem mortos mundo afora, principalmente pelo Estado Islâmico - que também são fundamentalistas e não representam a maioria dos muçulmanos, assim como os fundamentalistas evangélicos não representam os evangélicos, certo?

Afinal, são dois pesos e duas medidas?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Artistas são convocados a "declarar seu amor" por Limoeiro. Falta a cidade corresponder a esse amor

  A Prefeitura Municipal de Limoeiro lançou a Mostra Cultural Virtual sobre Limoeiro, onde cada artista seja de qual área for, poderá se ins...