sexta-feira, 27 de setembro de 2019

Joãozinho relata que sofreu bloqueio judicial de gestões passadas

O prefeito de Limoeiro, João Luís Ferreira Filho (PSB), esteve agora à pouco com o jornalista Magno Martins, nos novos estúdios do programa "Frente a Frente". O prefeito disse que se surpreendeu mais uma vez, com um bloqueio judicial da "herança maldita" dos ex-prefeitos Ricardo Teobaldo (Podemos) e Thiago Cavalcanti (PTB). O motivo do bloqueio dessa vez seria referente a um valor de R$ 388 mil pela compra não paga de um caminhão para a coleta de lixo. "Se isso não fosse suficiente, estamos pagando R$ 400 mil por mês para cobrir o rombo previdenciário. Eles (Teobaldo e Tiago) recolheram a contribuição dos servidores e não colocaram na conta da Previdência Municipal", disse o prefeito, cuja entrevista vai ao ar logo mais às 18 horas. 

Foto Rede Social Magno Martins

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Com vasta atuação e experiência na área jurídica, jovem advogado Luís Roberto Burégio inaugura mais um escritório em Limoeiro

   O advogado Luís Roberto Burégio inaugurou mais um escritório de advocacia e consultoria em Limoeiro, agreste setentrional de Pernambuco, ...