terça-feira, 7 de julho de 2020

Prefeitura de Passira reduz salários de servidores em 80%


A Prefeitura de Passira reduziu em 80% os salários de servidores. Desde abril, funcionários contratados como professores, auxiliares de biblioteca, instrutores de informática e psicólogos, além de outros, têm recebido a quantia de R$ 100,00, R$ 200,00 e R$ 400,00 mensalmente. De acordo com um professor que preferiu não se identificar, não aconteceu diálogo para fazer um acordo. 

Para justificar o corte, a gestão alega que com a pandemia da Covid-19, houve uma redução no repasse do Fundeb. Um grupo de professores acionou o Ministério Público de Pernambuco, o Sindicato dos Professores de Pernambuco e a Câmara Municipal. A Prefeitura recebeu as recomendações pela manutenção do valor estabelecido no contrato ou negociação com os servidores. A Prefeitura também teria mostrado interesse de pagar 30% do valor salarial aos invés dos 20% que vêm sendo pagos há 3 meses. 

Na portaria publicada em abril, a prefeitura alegou que os efeitos da pandemia fez reduzir a carga horária em 80%, o que acabou resultando também na redução do salário. Segundo a mesma portaria, as reduções aconteceriam durante a suspensão das aulas presenciais. "Fica determinado aos professores a execução da sua carga horária através de aulas remotas dirigidas aos estudantes da rede municipal de ensino", diz um dos artigos da portaria. 


“Com a pandemia os professores começaram a trabalhar remotamente, mas só o fato de pesquisar, preparar um conteúdo eficiente e esclarecedor, aplicar conteúdo diferente para cada turma e corrigir, além de estar sempre de prontidão para responder aos questionamentos dos alunos, demanda um esforço ainda maior”, explicou o professor.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Argentina é surpreendida pela Arábia Saudita na estreia na Copa do Catar

  A estreia da Argentina na Copa não poderia ter sido pior - ou poderia. A seleção que foi campeã do mundo em 1978 e 1986 levou 2x1 de vir...