quarta-feira, 8 de julho de 2020

Robertinho requer que FACAL realize acordos para redução das mensalidades em virtude da pandemia

O vereador Robertinho Galvão (Podemos) utilizou a tribuna da Câmara Municipal de Limoeiro para reforçar a necessidade de a Autarquia de Ensino Superior de Limoeiro abrir um balcão de acordos para os universitários afetados economicamente pela pandemia do novo coronavírus. A instituição é responsável pelas faculdades de Ciências Aplicadas e de Ciências Jurídicas de Limoeiro (Facal e Facjul). “Levamos em consideração que o Ministério Público de Pernambuco recomendou que, em virtude da suspensão das aulas presenciais por conta da pandemia de coronavírus, as instituições particulares sejam orientadas a realizar acordos sobre as suas mensalidades”, citou o parlamentar. As atividades presenciais nas faculdades estão suspensas desde a segunda quinzena do mês de março. Ainda não há previsão de retorno. “Neste sentido, venho requerer que a Autarquia viabilize a realização dos acordos necessários, tendo em vista que o próprio Código de Defesa do Consumidor estabelece o direito da modificação das cláusulas contratuais em razão de fatos excepcionais, portanto, faz-se extremamente necessário a possibilidade de proposta de revisão contratual entre os alunos e seus diretores”, pontou Galvão.

Texto e foto da Assessoria

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Argentina é surpreendida pela Arábia Saudita na estreia na Copa do Catar

  A estreia da Argentina na Copa não poderia ter sido pior - ou poderia. A seleção que foi campeã do mundo em 1978 e 1986 levou 2x1 de vir...