sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012

PREFEITO DE SALGADINHO REBATE ACUSAÇÕES

Na última quinta-feira, alguns alunos e estudantes de Salgadinho se dirigiram ao programa Revista da Manhã, do radialista Carlos Alfeu, da Rádio Jornal, para acusarem o prefeito Luís Belo (PR) de várias irregularidades, como desvio de merendas e perseguição política, pois segundo eles, o prefeito não deixa que eles andem nos ônibus da prefeitura que leva estudantes universitários a outras cidades.

Ainda no dia de ontem, a imprensa foi procurada pelo presidente da Câmara de Vereadores, Adenilson Pereira, do PR, e o próprio prefeito se dispôs a dar uma entrevista ao programa Revista do Almoço que foi ao ar no dia de hoje.

Demonstrando segurança nas suas palavras, o prefeito republicano rebateu as acusações: "Para acusar, é preciso ter provas. Trabalho a semana toda, diferente daqueles que não têm o que fazer e ficam usando notebooks para atacar pessoas honradas." O prefeito ainda salientou: "Não existiam responsabilidades quando assumi a prefeitura, no dia 01 de janeiro de 2005."

O prefeito ainda foi acusado de estar embriagado, e ele rebateu: "Parei de beber há mais de um ano por recomendação médica. Esses ataques só podem estar vindo de uma pessoa despreparada." O republicano atribuiu as acusações ao fato de estarmos em um ano eleitoral: "Em ano de eleição, procuram denegrir a imagem de quem faz um trabalho sério. Sobre a questão dos ônibus para os alunos, não houve nenhuma perseguição. Na verdade, o número de alunos aumentou para 42, e não dava para levar 42 alunos num ônibus onde só cabem 28. O critério que usei foi de atender os mais carentes. Ainda por cima, não posso ser irresponsável em comprar um ônibus para depois não poder pagar. O município está ainda sem condições de custear."

O prefeito ainda falou sobre política: "Eu fazia oposição trabalhando. Hoje, ela está despreparada. João Paulo, um desses que está na oposição, foi meu secretário de Ação Social. Até aí, eu prestava. Mas agora ele destruiu a oportunidade até mesmo de ser um político. Hoje eles denigrem minha imagem, usam a Internet pra me atacar. Vou mover um processo contra eles. Não se deve sujar a mesma água do pote em que bebeu. Se eu era errado, rompesse comigo logo no primeiro ano! Ele não soube construir sua própria candidatura." afirmou. Luís Belo ainda teceu elogios ao seu candidato deste ano, que é o próprio Adenilson:  "Eu apoio Adenilson porque ele soube construir sua candidatura, e foi uma decisão tomada democraticamente, com a participação de todo o grupo, que achou que ele era o melhor candidato. Desde a minha reeleição, eu já falava que o meu candidato seria quem o grupo escolhesse."

Sobre a acusação de que os seguranças impediam os estudantes de entrar no ônibus, Luís Belo respondeu: "Eu chamei eles para evitar que depredassem o patrimônio público. É um patrimônio de todos que estava precisando de proteção."

Sobre a polêmica da merenda, o prefeito foi taxativo: "Eu falo com muita propriedade. Pode ir nas escolas, e podem ver que não falta merenda lá, enquanto a antiga administração foi acusada de desvio de recursos para merenda. A compra da merenda já está sendo feita normalmente por 8 anos consecutivos. O ex-prefeito, ainda por cima, tirou dinheiro público e botou na conta da sogra. Isso não é acusação que estou fazendo, pois já foi provado pela Justiça e pelo MP. Tem ainda alguns precatórios a serem pagos a algumas pessoas, entre elas, até mesmo algumas pessoas ligadas a adversários meus. Jamais persegui ninguém." O prefeito, inclusive, mostrou ao radialista e ao LIMOEIRO NEWS os documentos que comprovam tais pagamentos. O prefeito disse: "Política não se faz destruindo, se faz construindo."

Luís ainda falou: "João Paulo, na qualidade de Secretário de Ação Social, era quem recebia as merendas. Se houve desvio, ele tava no meio. A oposição tá despreparada, quanto mais baterem em mim, mais vou trabalhar."

Luís Belo também não deixou de falar no seu trabalho: "Peguei uma Salgadinho destruída, mas muito trabalho está sendo feito. Vamos entregar a Academia das Cidades. Aguardamos a presença de Danilo Cabral (secretário das Cidades), e se possível, a presença do próprio governador. Estamos vendo essa agenda deles para marcar a inauguração. Vamos entregar oito veículos novos à população."

O prefeito ainda falou sobre o Carnaval: "Começa amanhã a "Prévia do Pato", e terça 21, à tarde, tem o Bloco do Pato, com trio elétrico. Anunciarei a programação oficialmente na segunda" disse o prefeito.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Artistas são convocados a "declarar seu amor" por Limoeiro. Falta a cidade corresponder a esse amor

  A Prefeitura Municipal de Limoeiro lançou a Mostra Cultural Virtual sobre Limoeiro, onde cada artista seja de qual área for, poderá se ins...