quinta-feira, 10 de dezembro de 2015

Mistério: 2012 se repetirá em 2016?

Todos se lembram que nas eleições de 2012, o então governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), teve pouca participação nas eleições municipais de Limoeiro, onde apoiava oficialmente o candidato da oposição, João Luís Ferreira Filho (PSB), o Joãozinho. O então vereador perdeu a disputa para o então candidato a reeleição, Ricardo Teobaldo (na época, PSDB, hoje, PTB). Há quem diga que Eduardo tinha feito um acordo com Sérgio Guerra (PSDB) para não se envolver diretamente na disputa.

Durante a inauguração da PE-95, ocorrida no último dia 30 de novembro, o governador Paulo Câmara falou, além do secretário Sebastião Oliveira, do prefeito Thiago Cavalcanti (PROS) e do deputado federal Ricardo Teobaldo. O articulador da Casa Civil do estado, Joãozinho, não chegou a ser citado nem a falar no palanque. Tal coisa fez com que os aliados do socialista temessem que em 2016, 2012 se repita, e que talvez o governador Paulo Câmara não se envolva diretamente na eleição. Outro detalhe interessante é que em Limoeiro a oposição tem, além do próprio Joãozinho, outro pré-candidato, o vereador Zé Nilton (Solidariedade).

Aguardemos as cenas dos próximos capítulos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Em pleno dia das eleições, morre Fernando Lucena, esposo de Raquel Lyra

  Morreu em Caruaru neste domingo aos 44 anos vítima de infarto, Fernando Lucena, o marido da candidata a governadora de Pernambuco, Raque...