segunda-feira, 25 de março de 2013

JOÃO LIRA RENUNCIA À SECRETARIA DE GOVERNO EM BOM JARDIM

sssssHoje o meio político do município do Bom Jardim está bastante agitado com a notícia de que o ex-prefeito João Francisco de Lira (PP) entregou ao prefeito Miguel Barbosa (PP) o cargo de secretário de Governo, que exercia desde o início do ano na Prefeitura Municipal.  Seguiram João Lira na debandada o seu filho Edgar Lira , secretário de Infraestrutura, e a sobrinha Elizângela Braz, secretária de Finanças.

João Lira apresentou as renúncias através de carta enviada ao prefeito Miguel Barbosa na tarde de ontem, mas até o presente o gestor não anunciou a confirmação das demissões pois, segundo informações, estaria tentando demover o amigo e responsável direto por sua eleição, a desistir da saída de sua administração. O blog tentou falar com o ex-prefeito João Lira, mas seus telefones estão desligados e sua auxiliar doméstica informou que o mesmo se encontra na Encruzilhada, juntamente com sua mulher, a vereadora Valéria  Lira.
No final da semana passada o blog contatou João Lira por telefone e o mesmo confirmou que realmente teve um impróglio com o pai do atual gestor Miguel Barbosa, quase chegando às vias de fato, alegando que o cidadão estava opinando contra a sua atuação na atual gestão, taxando-o de “manda chuva” da prefeitura. Mas a confusão se originou de outro embate ocorrido entre o seu filho e secretário de Infraestrutura Edgar Lira e um amigo do músico Lula Barbosa, pai de Miguel. Depois das ocorrências, segundo João Lira, a convivência com o prefeito Miguel aparentemente ficou normal, mas Lira avisou ao gestor que o mesmo ficasse livre para tomar qualquer decisão acerca de sua permanência na administração.
“O prefeito está bastante preocupado com esta situação, mas lhe avisei que no momento em que eu notar que estiver atrapalhando sua gestão serei o primeiro a pedir para sair. Acho que Bom Jardim precisa da minha experiência como bem avaliado gestor que fui, e é  minha intenção fazer da gestão do Miguel melhor do que foi a minha. Mas não quero atrapalhar a vida do amigo Miguel; não quero e nem devo”, disse João Lira, aparentando tranquilidade.
Surpreendentemente, na tarde de ontem João Lira procurou um cunhado do prefeito Miguel Barbosa e lhe pediu que entregasse ao gestor as cartas dos pedidos-de-demissão dele, Edgar Lira e Elizãngela Braz, firsando que o ato tem caráter irrevogável.
Até o presente o prefeito Miguel Barbosa não se pronunciou acerca da veracidade ou não da vacância nas titularidades das secretarias de Governo, Infraestrutura e Finanças. Caso se confirme esta situação, outros pedidos-de-demissão (ou demissões)  poderão surgir, uma vez que pelo menos três outros titulares de secretarias são figuras ligadíssimas ao ex-prefeito.
Fonte – Dimas Santos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Artistas são convocados a "declarar seu amor" por Limoeiro. Falta a cidade corresponder a esse amor

  A Prefeitura Municipal de Limoeiro lançou a Mostra Cultural Virtual sobre Limoeiro, onde cada artista seja de qual área for, poderá se ins...