quarta-feira, 19 de fevereiro de 2020

Thiago convoca coletiva: "Três anos depois e tudo é culpa da minha gestão?"


O ex-prefeito de Limoeiro, Thiago Cavalcanti (PTB), 3 anos e 2 meses após deixar a gestão municipal "quebrará o silêncio". No dia 5 de março, a partir das 19h30, ele concederá uma entrevista coletiva, numa área familiar, para comentar as citações que o atual governo, comandado pelo tio dele, João Luís (PSB), faz rotineiramente através de entrevistas e notas encaminhadas à imprensa. 

O último caso envolveu o transporte escolar. Diante de uma série de denúncias feitas pelo ex-gerente de Transportes Fernando Oliveira, a atual gestão disse que pegou a frota sucateada e, dentro de 3 anos, ainda não havia conseguido recuperar todos os ônibus. "Ouvi o tempo todo falar da minha gestão e não respondi. Tudo o que dá errado no atual governo colocam a culpa em mim. Já se passaram três anos e ainda a culpa foi da minha gestão?", questionou Cavalcanti. 

A última entrevista concedida por Thiago a um veículo de comunicação aconteceu no fim do mandato dele, em dezembro de 2016. "Estou finalizando um levantamento de tudo o que fizemos, das ruas que calçamos, dos postos de saúde que inauguramos, enfim, vou fazer um comparativo e mostrar a realidade a Limoeiro", pontuou. Na eleição deste ano, o ex-prefeito adiantou que não disputará cargo, mas dará apoio ao pré-candidato Orlando Jorge.


BLOG DO AGRESTE

https://blogdoagreste.blogspot.com/2020/02/thiago-convoca-coletiva-tres-anos_19.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Marília Arraes é recebida em Limoeiro por lideranças políticas

  Na noite desta quarta-feira 29 a pré-candidata ao governo de Pernambuco, Marília Arraes, do Solidariedade, esteve presente em Limoeiro, ao...