sexta-feira, 2 de agosto de 2019

Compesa explica motivos que comprometeram abastecimento em Limoeiro


Imagem | Reprodução Internet
Com alguns moradores alegando até três semanas sem abastecimento d’água regular, como foi o caso de um consumidor que reside no Bairro da Subestação, as reclamações tem sido constantes no município de Limoeiro. Através de nota, a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) explicou os motivos que provocaram a suspensão parcial do abastecimento. Confira, abaixo, a nota na íntegra:

A Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) informa que o abastecimento do município de Limoeiro já foi normalizado em 70%, após a realização de serviços de manutenção emergencial no Sistema de Abastecimento de Água de Carpina-Limoeiro. Os técnicos da Compesa continuam em campo para concluir os reparos em um trecho da tubulação de grande porte (300 milímetros) pertencente ao Sistema Bizarra-Limoeiro, que responde por 30% do fornecimento de água.

O trecho onde a adutora foi rompida está localizado na travessia do Rio Orobó que se encontra com o volume elevado, devido às chuvas das últimas semanas, o que dificulta o acesso da equipe. Por este motivo, os trabalhos estão sendo interrompidos durante a noite. A previsão é de que os serviços sejam concluídos nesta sexta-feira (02).

“Concluímos uma grande parte dos serviços necessários para retomar o abastecimento de Limoeiro. O Sistema Carpina-Limoeiro já voltou a funcionar desde ontem (31) e nossos técnicos estão empenhados na recuperação do trecho danificado no Sistema Bizarra-Limoeiro que tem o acesso bastante difícil. Acreditamos que amanhã (02), a cidade volta a receber água integralmente”, ressaltou o gerente da Unidade de Negócios da Compesa, Mozart Alencar”.

BLOG DO AGRESTE

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Artistas são convocados a "declarar seu amor" por Limoeiro. Falta a cidade corresponder a esse amor

  A Prefeitura Municipal de Limoeiro lançou a Mostra Cultural Virtual sobre Limoeiro, onde cada artista seja de qual área for, poderá se ins...