sábado, 13 de janeiro de 2018

Prof. Marcos Sérgio rebate críticas feitas pela atual Gestão Municipal



O Vereador Marcos Sérgio foi até a Rádio Cultural FM na manhã de hoje (13) e falou ao radialista Gonçalves Filho, explanando sua revolta sobre as palavras dada na manhã de ontem nesta mesma emissora pelo atual Gestor Municipal, onde ele chamou a oposição Limoeirense de terroristas e dentre eles o vereador de oposição Prof. Marcos Sérgio. Ao se defender o vereador disse que terrorismo é o que o atual gestor vem fazendo com os funcionários e comissionados ao pagar salários em atraso. Muitos estão sem receber a cerca de 3 meses e isso não faz, pois a muitos anos Limoeiro não vivia uma situação como esta. Marcos Sérgio também falou de sua integridade quanto homem, policial e professor, confessando a toda Limoeiro que jamais recebeu um nada sem que não lhe fosse de direito.

 Até na profissão de Policial o mesmo alegou que jamais recebeu algo dinheiro ou produto de alguém, pois sempre agiu conforme a lei. Marcos ainda disse mais: Podem vasculhar minas contas bancárias e verão que nada tenho além do que é meu por direito. A falta de água em toda cidade foi tratada como terrorismo por Marco Sérgio e outro fato que se pode classificar como terrorismo segundo o professor foi a demissão de funcionários da CML. A entrevista durou cerca de 30 minutos e muito mais coisas se falou e por isso vamos deixar o link para você possa assistir a mesma. https://www.facebook.com/paulo.pinto.3304673/videos/10204360589692051/. Após assistir comente o que você achou da resposta dada pelo vereador. Caso você esteja viajando na maionese, vamos refrescar sua memória. Confira a matéria do comentário do Gestor aqui.


BLOG COISAS DA VIDA

 http://www.coisasdavida.net.br/2018/01/prof-marcos-serio-rebate-criticas-feita.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Artistas são convocados a "declarar seu amor" por Limoeiro. Falta a cidade corresponder a esse amor

  A Prefeitura Municipal de Limoeiro lançou a Mostra Cultural Virtual sobre Limoeiro, onde cada artista seja de qual área for, poderá se ins...