quarta-feira, 25 de novembro de 2020

Marcelo reafirma que será oposição

 

Em entrevista hoje pela manhã ao programa Revista da Manhã, na Rádio Jornal, com Alfredo Neto, o vice-prefeito Marcelo Motta (Avante) falou do resultado da eleição e de seus projetos para o futuro. Indagado por Alfredo sobre se aceitaria um convite para integrar a base do prefeito eleito Orlando Jorge (Podemos) na condição de secretário municipal, Marcelo foi taxativo: "Não terei problema em ajudar Limoeiro no que for preciso, mas não tenho esse interesse, tive mais de 10.500 votos e não posso dar as costas ao povo que acreditou no nosso projeto. Faremos uma oposição responsável, limpa e propositiva, que vise o bem-estar do município". Sobre o resultado das eleições, Marcelo se disse satisfeito e ao mesmo tempo surpreso: "Eu estou satisfeito com a votação que recebemos, o que nos dá uma grande força para seguir em frente. Esperávamos a vitória, nós tínhamos pesquisas internas que apontavam uma polarização nossa com o atual prefeito Joãozinho. A equipe de Orlando e o deputado traçaram suas estratégias e acabaram crescendo na hora decisiva. Quero parabenizar o prefeito eleito, mas reafirmo minha condição de oposição na próxima gestão". Disse. Sobre novas definições políticas, Marcelo afirmou que está sendo aguardado o resultado das eleições no Segundo Turno em Recife para que se possa se reunir com alguns de seus principais apoiadores, como o deputado Sebastião Oliveira, Henrique Queiroz e o deputado estadual Henrique Queiroz Filho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Argentina é surpreendida pela Arábia Saudita na estreia na Copa do Catar

  A estreia da Argentina na Copa não poderia ter sido pior - ou poderia. A seleção que foi campeã do mundo em 1978 e 1986 levou 2x1 de vir...