sábado, 12 de junho de 2021

Morre em Brasília o ex-vice-presidente Marco Maciel

 

Pernambuco e o Brasil perderam na madrugada deste sábado (12) um dos mais respeitados homens públicos. Marco Antônio de Oliveira Maciel, de 80 anos, faleceu após sete anos lutando contra o Mal de Alzheimer. Maciel, ao longo de sua carreira, construiu a imagem de um homem articulador, sereno e discreto. Maciel foi deputado pela ARENA, partido que deu sustentação ao Regime Militar, sendo inclusive nomeado governador de Pernambuco entre 1979 e 1982. Em 1985, foi um dos fundadores da Frente Liberal, embrião do PFL, atual DEM, e artífice na redemocratização do Brasil. Maciel foi ministro da Educação no governo de José Sarney. Eleito senador em 1990, deixou o mandato na metade em 1994 para se candidatar com sucesso à vice-presidência da República. Foi vice no mandato de Fernando Henrique Cardoso, em dois mandatos, de 1995 a 2003. Depois da vice-presidência, voltou ao Senado, onde ficou em entre 2003 e 2010. Em 2010, tentaria novamente o Senado, mas acabou derrotado na ocasião , ficando em terceiro lugar, fora das duas vagas possíveis, sendo eleitos na ocasião Armando Monteiro Neto e Humberto Costa. Essa foi a sua primeira e única derrota eleitoral. Desde então, mantinha-se afastado da política. Vários políticos foram de sua escola política, como Augusto Coutinho, André de Paula e Mendonça Filho, que embora tenham trilhado caminhos diferentes em partidos diferentes, procuram manter os ensinamentos do grande professor que eles tiveram.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Artistas são convocados a "declarar seu amor" por Limoeiro. Falta a cidade corresponder a esse amor

  A Prefeitura Municipal de Limoeiro lançou a Mostra Cultural Virtual sobre Limoeiro, onde cada artista seja de qual área for, poderá se ins...