sexta-feira, 20 de janeiro de 2023

Oposição tem o desafio de se unir para 2024


Com o resultado das eleições de 2022, ficou claro que mais do que nunca, é importante que os nomes importantes da oposição de Limoeiro estejam em um mesmo barco em 2024, caso queiram realmente a Prefeitura de Limoeiro. O atual prefeito Orlando Jorge, caso venha mesmo a disputar a reeleição, deverá ter o apoio da atual governadora, Raquel Lya. A candidata derrotada no pleito, Marília Arraes, teve o apoio de nomes da oposição limoeirense como o ex-prefeito Joãozinho e o ex-vice-prefeito Marcelo Motta.


Apesar de Ricardo Teobaldo não ter conseguido a reeleição para deputado federal, ele ainda detém uma força política considerável na região, e podendo inclusive ganhar pontos com Raquel Lyra. Mas agora, atualmente, o quadro oposicionista tem de um lado Marcelo Motta, de outro, Joãozinho, e de outro, o grupo ligado ao deputado estadual Henrique Queiroz Filho. Resta saber como a oposição vai se comportar nesses próximos dois anos. Mas o que se comenta na cidade é que caso a oposição não chegue a um acordo, eles estarão dando mais quatro anos de presente para Orlando Jorge. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Daniel do Mercadinho solicita mais ambulâncias para o Hospital Regional de Limoeiro

  O vereador Daniel do Mercadinho solicitou em requerimento ao Governo do Estado mais ambulâncias para o Hospital Regional José Fernandes Sa...