quarta-feira, 17 de outubro de 2018

Vereador Diogo Prado tem mandato cassado por infidelidade partidária


O vereador carpinense, Diogo Prado (PSC), teve o mandato cassado pelos desembargadores do Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) pela prática de infidelidade partidária. A decisão foi emitida durante sessão extraordinária realizada na manhã desta quarta-feira (17). Diogo era réu em um processo eleitoral movido pelo seu antigo partido, o PCdoB, sigla pela qual havia sido eleito nas eleições municipais de 2016.

Para concorrer ao cargo de deputado estadual no pleito deste ano, Prado migrou para o Partido Social Cristão (PSC) no primeiro semestre. Dos sete votos dos desembargadores, o parlamentar recebeu apenas um favorável. Prado ainda pode recorrer da decisão exercendo o mandato de parlamentar. No último dia 7, ele conquistou quase 20 mil votos para deputado estadual, mas ficou na suplência. (Com informações do Giro Mata Norte | Imagem Divulgação)


BLOG DO AGRESTE

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Artistas são convocados a "declarar seu amor" por Limoeiro. Falta a cidade corresponder a esse amor

  A Prefeitura Municipal de Limoeiro lançou a Mostra Cultural Virtual sobre Limoeiro, onde cada artista seja de qual área for, poderá se ins...